segunda-feira, 2 de março de 2015

JETRO - Um bom conselheiro



"Moisés aceitou o conselho do sogro e fez tudo como ele tinha sugerido." (Êxodo 18.24)

  "Tem uma coisa que me preocupa", disse um amigo. "posso lhe dar um pequeno conselho?"
  "Ih, aí vem coisa...". você pensa. Quando sua esposa chega com algum conselho, dá a impressão de estar reclamando. a incapacidade que seu chefe tem de elogiar soa um pouco como crítica. até mesmo as orações de um amigo podem parecer um sermão. aceitar os conselhos de outras pessoas exige uma autoestima muito sólida e a disposição de crescer como pessoa.
  Jetro, sogro de Moisés, era um homem sábio. Ele vivia no deserto de Midiã (Êx 2.15-16), no triângulo invertido chamado península do Sinai. É possível que a tradição teológica singular de Jetro lhe tenha sido transmitida oralmente, a partir de seu ancestral Abraão (Gn 25.1-2). A maioria dos Midianitas não vivia de acordo com a vontade de DEUS (cf. Nm 25.17-18 31.16), mas Jetro parece ser uma exceção. assim como os não Israelitas Melquisedeque (Gn 14.18), Raabe (Js2.9-11) e Naamã (2 Re 5.15), Jetro reconhecia o "DEUS vivo e verdadeiro" (1 Ts 1.9), e procurava viver de acordo com a verdade Divina.
  Com certeza, Jetro não estava incluído em conversas paralelas. DEUS, porém, não está confinado a esse circulo, assim como outros que podem ter alguma coisa para nos ensinar. Um discípulo é um aprendiz. O que aprendemos de alguém que esteja ao lado de fora dessas conversas paralelas?
  Jetro procurou Moisés quando o genro estava passando por um momento muito confuso. Moisés era responsável por mais de um milhão de pessoas, mas estava agindo como se constituísse um supremo tribunal de um homem só. Dá para imaginar até onde isso poderia chegar? como uma pessoa que não estava diretamente envolvida no problema, Jetro era um observador bastante objetivo. E o que ele viu o perturbou o suficiente para dar ao genro alguns conselhos, ainda que Moisés não os pedisse. Em resumo, Jetro disse a Moisés: "Delegue!"
  Moisés aceitou o concelho do sogro. Jetro orientou Moisés a se manter no supremo tribunal de justiça (Ex 18.22), mas criar vários juizados de pequenas causas (Ex 18.21). Aliviamos a pressão quando levamos "os fardos uns dos outros" (Gl 6.2).
  Jetro, cujo nome significa "sua excelência" (Ex 3.1), pode ser um título, e não o nome verdadeiro do sogro de Moisés. Ele também é chamado Reuel (Que significa "o amigo de DEUS"; Ex 2.18) e,  talvez, Raquel (algumas versões bíblicas de Nm 10.29).
  Até que ponto você se identifica com pessoas que enfrentam dificuldades? como Jetro, você pode orar por sabedoria para poder intervir num caso crítico (Ex 18.14), interceder pelos outros (Ex 18.20) e aliviar o julgo das pessoas. Como Jetro, seja sábio na hora de aconselhar.

Fonte:Bíblia do Homem - NVI - Geográfica editora - Central Gospel.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LANÇAMENTO DO MEU LIVRO, EM BREVE

Postagens Recentes