sábado, 31 de agosto de 2013

Amém é coisa séria!




Por Wilhelmus à Brakel

É comum ouvirmos a afirmação que o significado das palavras hebraica e grega traduzidas como “amém” é “que assim seja”. Ouvimos, por exemplo, que devemos finalizar nossas orações com um convicto “amém”, a fim de expressar nosso forte e sincero desejo de que Deus atenda nossas petições. E, de fato, a palavra pode ser entendida dessa forma. Edward Robinson diz que a palavra aparece “usualmente no final de uma oração, onde serve para confirmar as palavras que precedem” (Léxico Grego do Novo Testamento. Rio de Janeiro: CPAD, 2012. p. 46).

Isso pode ser visto, por exemplo, em Neemias 5.13: “Também sacudi o meu regaço e disse: Assim o faça Deus, sacuda de sua casa e de seu trabalho a todo homem que não cumprir esta promessa; seja sacudido e despojado. E toda a congregação respondeu: Amém! E louvaram o SENHOR; e o povo fez segundo a sua promessa” (cf. Deuteronômio 27.15-26; 1Reis 1.36; 1Coríntios 14.16).

Não é incorreto afirmar que dizer “amém” é uma expressão de desejo pela consecução daquilo que é pedido ou uma confirmação do que foi afirmado.Entretanto, a palavra “amém” possui um significado mais solene. O estudiosoHans Bietenhard afirma: “Através do ‘amém’, aquilo que foi falado é afirmado como certo, positivo, válido e obrigatório” (Dicionário Internacional de Teologia do Novo Testamento. Vol. 1. São Paulo: Vida Nova, 2007. p. 110). 

Trata-se, portanto, de uma afirmação de veracidade. Dizer “amém” é jurar que aquilo que foi afirmado na oração é expressão da verdade. Nesse sentido, quando suplicamos algo a Deus e dizemos “amém”, estamos expressando diante do Senhor que o nosso desejo é sincero e verdadeiro. Quando louvamos a Deus e finalizamos com “amém” estamos afirmando diante d’Aquele que sonda o nosso coração, que verdadeiramente o valorizamos e o consideramos como supremamente valioso.

Esse significado pode ser visto, por exemplo, em Isaías 65.16: “de sorte que aquele que se abençoar na terra, pelo Deus DA VERDADE é que se abençoará; e aquele que jurar na terra, pelo Deus DA VERDADE é que jurará”. A palavra hebraica traduzida pela Almeida Revista e Atualizada como “da verdade” é ‘amên. Literalmente, o texto diz: “aquele que se abençoar na terra, pelo Deus DO AMÉM é que se abençoará; e aquele que jurar na terra, pelo Deus DO AMÉM é que jurará”.

A ideia é que toda bênção e todo juramento terão a Deus como sua testemunha, Aquele que é a própria verdade, devendo, assim, serem feitos segundo a verdade e por coisas lícitas. Em Apocalipse 3.14, Jesus se identifica para o anjo da igreja de Laodiceia da seguinte forma: “Ao anjo da igreja em Laodiceia escreve: Estas coisas diz o AMÉM, a testemunha fiel e verdadeira, o princípio da criação de Deus”. Ao identificar-se como o “Amém”, Jesus está afirmando que o diagnóstico que ele apresentará a seguir é a mais pura expressão da verdade.

Tudo o que ele tem a dizer é verdadeiro e, portanto, digno de crédito e de submissão da parte daqueles que ouvem. Gregory K. Beale diz que, “as três descrições ‘o Amém, a testemunha fiel e verdadeira’ não são distintas, mas geralmente se sobrepõem para sublinhar a ideia da fidelidade de Jesus ao testemunhar diante de seu Pai durante seu ministério terreno e sua continuidade como tal testemunha” (The Book of Revelation. Grand Rapids, MI: Eerdmans, 1999. p. 296).

Simon Kistemaker, outro estudioso do Novo Testamento diz que, “o ‘Amém’ comunica a ideia daquilo que é verdadeiro, solidamente estabelecido e fidedigno”. (Comentário do Novo Testamento: Apocalipse. São Paulo: Cultura Cristã, 2004. p. 225).

De igual modo, quando desejava expressar de forma mais contundente a veracidade do seu ensinamento e como ele deveria ser levado a sério por seus discípulos, Jesus introduzia seus ditos no Evangelho de João com um duplo “amém”, que na nossa tradução aparece como “em verdade, em verdade vos digo”: “E acrescentou: Em verdade, em verdade vos digo que vereis o céu aberto e os anjos de Deus subindo e descendo sobre o Filho do Homem” (1.51; cf. 3.3,5,11; 5.19,24,25; 6.26,32,47,53; 8.34,51,58; 10.1,7; 12.24; 13.16,20,21,38; 14.12; 16.20,23; 21.18).

Todo o seu testemunho é verdadeiro. Nele não há engano. Nas suas declarações não existem mentiras. Ele é a verdade e tudo o que Jesus afirma é verdadeiro.Isto posto, devemos compreender que quando fazemos nossas orações a Deus, louvando-o, bendizendo-o, fazendo súplicas e intercessões, e respondemos com o “amém”, estamos dizendo ao Deus da Verdade, ao Deus do Amém, que nossos desejos são sinceros, que nosso coração está tomado de santas afeições por suas perfeições, majestade e glória.

Quando oramos e concluímos com o “amém”, dizemos ao Deus que sonda os nossos corações que tudo o que expressamos é verdadeiro. Por esta razão, devemos levar muito a sério o dever da oração. Devemos nos aproximar de Deus sabendo que ele não vê como vê o homem. Ele vê o coração. Ele sabe quando nossos desejos estão direcionados para outras coisas. Ele conhece a insinceridade dos nossos corações.

Quando não somos sinceros ou quando somos indiferentes em nossas orações, o “amém” é uma mentira dita ao Deus que tudo sabe. Por isso, que ele nos guarde de toda mentira e nos preserve no caminho da verdade, para que nossas orações sejam, de fato e de verdade, nas palavras de Wilhelmus à Brakel, “a expressão de santos desejos a Deus, em nome de Cristo, que, por meio da operação do Espírito Santo, procede de um coração regenerado, junto com o pedido do cumprimento desses desejos”.



Fonte: The Christian’s Reasonable Service. Vol. 3. Grand Rapids, MI: Reformation Heritage Books, 1997. p. 446. Via: Cristão Reformado | Bereianos. Acesso: 30/08/13

Cristão é preso na Argélia

Argélia man.jpg
Segundo um membro da Igreja Protestante da Argélia (EPA), o cristão Sofiane, da cidade argelina de Biskra, foi preso sexta-feira, 23 de agosto, pelaGendarmerie National (força policial militar), em um ponto de controle localizado cerca de 500 km ao sul de Argel

Sofiane é casado e pai de uma criança. Ele estava no táxi em direção à cidade de Oran (cerca de 300 km a oeste de Argel), quando foi detido por membros da Gendarmerie. A partir daí, o cristão foi levado a Biskra para ser interrogado.

Além disso, "a polícia invadiu a casa da família, levou o computador de Sofiane e outros itens pessoais", disse a fonte. A comunidade cristã na Argélia está preocupada com o fato de Sofiane ainda estar detido. "Quando a esposa dele foi à delegacia para obter informações sobre seu marido, disseram que não poderiam dizer nada".

Na Argélia, 29ª nação na Classificação de países por perseguição, os cristãos evangélicos são vistos como um perigo para a sociedade. O islamismo de tradição sunita é a religião oficial do país e não se permite que os cristãos testemunhem. Em março de 2006, foi aprovado o Decreto 06-03, que restringe cultos não islâmicos.
FontePortas Abertas Internacional
TraduçãoAna Luíza Vastag

sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Ex-Mórmom escreve livro revelando segredos da seita

Hoje cristã, escritora tenta ajudar Mórmons a encontrar Jesus.















Philippe Oliveira

Após 30 anos na Igreja Mórmon, uma fiél chegou a uma conclusão: A Bíblia é mais acurada do que o Livro do Mórmon, e Deus é maior do que o homem transcedente adorado pelos “Santos dos Últimos Dias” (SUD).

O ex-professora titular da Universidade Brigham Young, Lynn Wilder, é a autora de “Unveiling Grace: The Story of How we Found Our Way Out of The Mórmon Church” (Revelando a Graça: A História de Como nós Encontramos a Saída para a Igreja Mórmon). Na obra, ela contrasta as igrejas mórmon e cristãs, desvendando os segredos da SUD, como poligamia, racismo, e uma desconfiança fundamental da Palavra e Poder de Deus.

Missionários mórmons bateram em sua porta, falaram sobre os “últimos dias”, e lhes deram boas vindas à uma comunidade bem unida. “Eles te trazem para dentro, eles te amam, eles começam a suplantar a minha família biológica”, explicou Wilder. Entrar para a igreja lhe deu um status maior para ela e seu marido na Faculdade e comunidades da igreja. Em 1999, Brigham Young University, lhe ofereceu um trabalho.

Depois de se mudar para Utah, contudo, a professora contou novas descobertas – as escrituras mórmon ainda pregam racismo e poligamia, apesar das negações públicas por parte da igreja. “A Bíblia não ensina que a marca de Caim foi uma pele escura”, ela explicou, “mas o Livro dos Mórmons sim”. Ela notou que a marca de Caim está em outras escrituras mórmon também, além do livro do Mórmon.

Quando seu fillho, Micah, deixou a Igreja Mórmon, Lynn considerou questionar suas doutrinas, disse ela. Recusando-se apresentá-lo ao templo da SUD para excomunhão, ela e seu marido o mandaram embora, e ele os encorajou a ler o Novo Testamento.

“Os Mórmons acreditam que a Bíblia é muitas vezes mal traduzida e corrupta”, testemunhou a ex-professora da BYU. Sua escritura fala de uma “grande apostasia”, após a morte dos apóstolos, de modo que não havia verdadeira igreja até que Joseph Smith fundou o mormonismo em 1830.

Mas quando Wilder leu o Novo Testamento, ela ficou hipnotizada. “Eu fiquei consumida com esse Deus do amor, o Deus da graça,”disse ela, notando que os Mórmons acreditam em salvação baseada em obras. De acordo com a igreja SUD, suas ações te levam ao céu, explicou ela, enquanto que “no Cristianismo, Cristo fez todo o trabalho na cruz”.

A igreja mórmon também ensina que Jesus falhou em manter Sua igreja unida, observou a professora. Ela citou a História da Igreja de Joseph Smith, onde o fundador mórmon escreveu: “Eu tenho mais a gabar-me do que qualquer outro homem teve. Eu sou o único homem que tem sido capaz de manter toda a igreja unida desde os dias de Adão… Nem Paulo, João, Pedro, nem Jesus fizeram isso.”

Wilder disse que ela acreditava que Deus era forte o bastante para manter Sua igreja unida e para preservar a mensagem na Bíblia. No mormonismo, contudo, Deus não é onisciente e onipotente, “Ele é um homem, basicamente, que continua a progredir e que eu posso estar no mesmo caminho”, disse ela.

A ex-professora da BYU explicou que, de acordo com a doutrina SUD, os melhores mórmons irão proceder para se tornar deus como o criador. As mulheres podem alcançar somente se elas foram casadas, e somente apóstatas – aquelas que rejeitam a igreja SUD – irão para o inferno com Satanás e seus servos. Mesmo Hitler e os assassinos, pelo contrário, irão atingir o nível mais baixo nos céus, disse ela.

A ex-mórmon se lembrou que, quando ela se voltou para jesus, ela começou a ver sinais do Deus bíblico pessoal (o deus mórmon não é pessoal, alegou ela) tocando muitos aspectos de sua vida. Seu livro conta a história das imagens de Cristo que sobreviveram à edifícios em chamas, e o sermão de Billy Graham marcado em sua memória.

Wilder testemunhou que um comprador apareceu em sua casa no dia seguinte em que ela e seu marido decidiram sair da igreja mórmon, e um reitor da faculdade lhe ofereceu um trabalho pela qual ela nunca aplicou. “Cristianismo é maravilhoso por causa de Deus”, disse ela. “Ele criou para todos de nós uma nova família, uma nova vida, e a confiança mais surpreendente nEle por causa do que nós O vimos fazer.”

Além de ensinar, ela e seu marido lideram um ministério dedicado para “ajudar os mórmons a entender um Deus maior e acreditar na Bíblia”. Segundo Lynn, eles pretendem alcançar milhares de mórmons que deixaram a igreja SUD – muitas vezes para reverter em ateísmo ou agnosticismo.

quarta-feira, 28 de agosto de 2013

Igreja aplica dízimos e ofertas na construção de casas para fiéis que não tem onde morar

Igreja aplica dízimos e ofertas na construção de casas para fiéis que não tem onde morar




A Igreja Primitiva é descrita na Bíblia como uma comunidade em que todos repartiam seus bens de forma que nenhum fiel ficasse desamparado. Aplicar esse conceito de forma literal nos dias de hoje é algo visto como impossível, mas adotar princípios dessa filosofia, não.

O pastor Fábio Mendonça, líder da Assembleia de Deus Ministério Lagoinha na cidade de Araruama, Rio de Janeiro, e sargento da Polícia Militar da 25ª CIA em Cabo Frio, aplicou princípios da Igreja Primitiva na congregação que dirige.

Atento às necessidades materiais de alguns membros de sua igreja, resolveu reverter a aplicação dos dízimos e ofertas arrecadados na construção de moradias para os fiéis em situação de vulnerabilidade social, sem custos para os beneficiados.

Mendonça afirmou, em entrevista ao jornal O Cidadão, que a ideia surgiu do desejo de prestar assistência às pessoas em dificuldades: “A igreja a princípio se assustou com a ideia, mas eu tinha que ser o primeiro a mostrar que poderia acontecer. Na Polícia Militar eu trabalho com manutenção, usei minha experiência na área no projeto. Por isso, eu mesmo fiquei de frente, inclusive, ajudando a cavar a fundação das casas”.

A iniciativa incomum já recebeu críticas, disse Mendonça: “Alguns pastores me perguntaram se eu não estava ‘arrumando’ muito trabalho. Se Deus pensasse no trabalho que o ser humano dá a Ele em relação à desobediência a seus princípios, não teria feito o mundo. Tudo que fazemos na vida pode nos gerar problemas, você não compra um carro, por exemplo, pensando que o pneu pode furar um dia, mas no benefício que você vai ter com o veículo”, ilustrou.

O trabalho voluntário e o aproveitamento máximo dos materiais foram essenciais para que o desafio se tornasse realidade, de acordo com o pastor: “O maior desafio era não desperdiçar material e economizar com mão de obra. Foram construídas quatro casas em apenas quatro meses, os dízimos e ofertas foram revertidos para a obra. Além de mim, mais três pedreiros ajudaram na realização das construções trabalhando voluntariamente aos finais de semana”.

A congregação possui 200 membros, e com a iniciativa de construir moradias para os fiéis que não tinham onde morar houve mobilização solidária por parte da comunidade. O pastor Fábio Mendonça ressalta que não realizou nenhuma campanha de arrecadação: “Não sou de pedir. Acredito que quando o trabalho é direito, o Espírito Santo se encarrega de mover o coração das pessoas ao desejo de ofertar. E assim foi: um membro doou mil tijolos, outro duas pias…”, disse, revelando que a iniciativa ainda não atendeu as necessidades de todos os membros: “Agora, estamos construindo mais quatro quitinetes, com o desafio de entregá-las até o dia 12 de outubro, pois, hoje temos duas senhoras alojadas na igreja, uma delas está no espaço onde eu atendia, meu gabinete pastoral e a outra na ‘salinha’ das crianças”.

Segundo o pastor, sua iniciativa não tem motivação política: “Se eu estiver fazendo isso na intenção de ser candidato o trabalho é em vão, não tenho interesse político nenhum”.

“As igrejas devem ficar mais atentas à necessidade do povo. Sejam elas materiais ou espirituais. Há igrejas em que a maioria dos membros não possui necessidades financeiras, mas sempre há os que precisam de ajuda espiritual e aqueles que precisam de ajuda material”, alertou o pastor Fábio Mendonça.


terça-feira, 27 de agosto de 2013

Apóstolo Valdemiro Santiago vende Igreja

Valdemiro Santiago estaria mergulhado em dívidas por causa de horários dos programas em TV.
Roseane Araujo



Apostolo deve cerca de R$ 20 milhões Foto: Divulgação

O apóstolo da Igreja Mundial do Poder de Deus, Valdemiro Santiago, teria colocado a venda um dos Templos da sua Igreja no estado de Minas Gerais. O valor pedido é de R$ 80 mil, e o propósito da venda seria saldar dívidas. O líder religioso está mergulhado nelas, só para a TV CNT, ele deve aproximadamente R$ 20 milhões, a despesa vem crescendo por causa do atraso nos pagamentos pelas cinco horas diárias dos programas que ele mantinha na emissora.

A Igreja Universal ficou com os horários que pertenciam a Igreja Mundial do Poder de Deus, na CNT e na Rede TV! Segundo o Deputado Federal Ricardo Arruda, suplente no (PSC-PR), e representante político da IMPD, disse que a denominação do Apóstolo Valdemiro estava investindo em horários na TV, muito além da necessidade real da denominação.

Foi Arruda que afirmou o interesse da Editora Abril em vender por R$500 milhões a MTV para Valdemiro. Por causa das cláusulas do contrato em manter sigilo, as negociações não foram divulgadas para a imprensa. O apóstolo também recebeu uma proposta feita pelo ex-pastor da Igreja Universal do Reino de Deus, Marcelo Pires. Ele quer vender sua parte na TV Vale do Itajaí, onde o outro sócio é o Bispo Edir Macedo.


segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Em quem você confia? - C. H. Spurgeon



"Em quem você confia?" Isaías 36:5


Leitor, esta é uma questão importante. Ouça a resposta do cristão e veja se ela é a sua. "Em quem você confia?"


"Eu confio", diz o cristão, "em um Deus trino. Confio no Pai, crendo que Ele meescolheu antes da fundação do mundo. Eu confio nEle para fornecer para mim tudo que me conformará a imagem do Seu Filho, e em Sua providência tudo em cada segundo da vida, confio para me ensinar, para me guiar, para me corrigir se for necessário, e me levar para casa, a sua própria casa, onde muitas moradas estão preparadas!"


"Espero e confio no Filho. O homem Cristo Jesus é também o Deus verdadeiro. Confio nele para tirar todos os meus pecados por Seu próprio sacrifício, e para me enfeitar com a Sua perfeita justiça. Confio que Ele seja meu intercessor para apresentar as minhas orações e desejos criados por Ele mesmo, diante do trono de Seu Pai, e eu confio nele para ser meu advogado no último grande dia, para defender a minha causa, e me justificar. Eu confio nele por aquilo que Ele é, pelo que Ele tem feito, e pelo que Ele prometeu ainda  fazer!"


"E eu confio no Espírito Santo, Ele começou a me salvar de meus pecados e me purificar, eu confio nele para levá-los todos para fora, me levando a mortificar cada pecado, eu confio nele para conter meu temperamento, para subjugar a minha vontade, para iluminar o meu entendimento, para que eu enxergue plenamente o meu mal e paixões. Confio Nele para confortar meu desânimo, para ajudar na minha fraqueza, para iluminar as minhas trevas. Confio que Ele habite para sempre em mim, que Ele reine em mim momento a momento, como meu Rei, para santificar-me totalmente e, em seguida, para me levar a habitar para sempre na glória! "


Oh, abençoada confiança! O Deus Trino! Confiar nEle. . .

   cujo poder nunca será esgotado,
   cujo amor nunca vai diminuir,
   cuja bondade nunca vai mudar,
   cuja fidelidade nunca falhará,
   cuja sabedoria nunca será confundida, e
   cuja perfeita bondade nunca pode saber o que é diminuir!


Feliz é você, leitor, se essa confiança é sua! Assim, confiante, você gozará doce paz agora e na glória! A fundação de sua confiança nunca deve ser retirada

quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Irmão Yun/ Biografia & Perseguições


              IRMÃO YUN


Uma vida de milagres ainda acontece nos dias atuais!


Homem do Céu

Na China ainda prevalece ameaças e brutalidades do governo contra todos os cristãos que não acatam a “Igreja dos três poderes”, um fantoche controlado pelo governo, através de líderes corruptos e amantes do poder. Nela é proibido ensinar a Bíblia para as crianças, pregar sobre a volta de Jesus, anunciar Cristo aos homens, o livro de Apocalipse é banido, muitas textos da Bíblia são proibidos, dentre outros absurdos aceitos por seus líderes.


O irmão Yun é conhecido em toda a China como o homem do Céu, por causa de um incidente acontecido em 1984, quando se recusou a revelar sua identidade para não colocar em risco outros cristãos. Ao ser preso, em vez de dizer seu nome e endereço, fato que permitiria identificar outros cristãos, ele esbravejava: “Sou um homem do céu! Meu lar é o céu!”. Os cristãos reunidos em casas próximas, ouviram os gritos e perceberam que era uma alerta para fugirem, para não serem presos por causa do “crime” de servir a Jesus. O irmão Yun sofreu terríveis violências e prisões, mas o Senhor prosperou a sua palavra e tem resgatado milhões de chineses das trevas. As igrejas domésticas na China, perseguida brutalmente pelo governo, continua desafiando o poder das trevas, pois já somam mais de 80 milhões de irmãos.


Nascimento e infância


Ele nasceu em 1958, na província de Henan, China. De um lar extremamente pobre e filho de um pai de temperamento violento, viu a situação de seu lar piorar quando inimigos acusaram seu pai perante a Guarda Vermelha (Polícia do governo comunista chinês), sendo este espancado e torturado várias vezes e até quase a morte, pela acusação de ser contra a política do governo.
Como a Bíblia era proibida e pregar o evangelho era um crime contra o estado, uma experiência com Cristo só poderia acontecer de uma forma extremamente sobrenatural. Mas foi exatamente assim que aconteceu com sua mãe, ao ouvir certa vez uma voz compassiva e carinhosa sobre o amor de Jesus. O seu curto entendimento não impediu que ela conduzisse sua família a crer que somente Jesus era a esperança para salvar da morte seu marido que estava à beira da morte.
O irmão Yun bradava “Jesus, cura o Papai”. O Senhor operou um milagre e restabeleceu sua saúde. O Senhor entrou na história da família de Yun, quando sua mãe passou a pregar o evangelho e a reunir irmãos em sua casa, algo considerado crime de traição ao governo comunista.


A Bíblia


Yun quase enlouqueceu por uma Bíblia. Nunca tinha sequer visto uma, era crime possuí-la. Não conhecia nada das escrituras. Sua mãe além de não conhecer também nada, era analfabeta, tudo que fazia era por absoluta revelação do Espírito Santo.
Passou a orar freneticamente pedindo uma Bíblia, passando momentos longos de jejum. Seus pais pensaram que ele estava enlouquecendo. Após três meses de oração, um dia, às 4 horas da madrugada, quando Yun estava orando, teve uma visão:


“Na visão eu subia uma colina íngreme, tentando empurrar um carrinho pesado ... Nesse momento vi três homens descendo a colina na minha direção ... Um deles empurrava um carrinho cheio de pães...e perguntou-me: ‘- Você está com fome?’ Sim... E eu chorei , pois minha família era extremamente pobre e tínhamos perdido tudo por causa da doença do papai ... vivíamos de ajuda dos outros.


Ele pegou um pacote contendo pães e disse: ‘- Coma imediatamente’. O pacote imediatamente virou uma Bíblia. Logo acordei e passei a procurar a Bíblia, e ao descobri que tinha sido só um sonho, comecei a chorar incontroladamente. Meu pai me segurou com força e bradou: ‘- Senhor, tem misericórdia do meu filho. Não permitas que ele enlouqueça.’ De repente alguém bateu a porta e chamou por mim ... eu corri e perguntei se ele estava trazendo pão para mim ... o homem respondeu: ‘- Temos um banquete para você’. Abri a porta e vi que era o mesmo homem do sonho, com um pacote vermelho, tendo uma Bíblia dentro. Os dois logo se foram. Mais tarde descobri que era de um servo do Senhor que tinha sofrido violentamente nas mãos governo por causa de sua fé em Jesus ... ele teve uma visão que deveria dar uma Bíblia para um jovem em uma vila distante.


Um evangelista aos 16 anos


Como carregar a Bíblia poderia lhe causar a morte, o irmão Yun passou a decorá-la. Rapidamente memorizou os evangelhos. Tinha apenas 16 anos, quando o Senhor expressamente começou a lhe enviar a lugares diversos para pregar o evangelho. Na primeira vez, quando o Senhor lhe falou sobre uma vila próxima, quando ele estava na madrugara orando e decorando o livro de Atos, logo pela manhã encontrou um homem desconhecido que lhe disse: ‘Recebi a incumbência de levá-lo rumo ao oeste, até a Vila Gao, para você falar do evangelho. Estamos em jejum e oração há três dias por isto.’ Yun prontamente foi lá e teve sua primeira experiência de ser um “criminoso”, ao pregar o evangelho:


“Entramos numa casa com 40 pessoas. Assentei-me no chão e os demais se apertaram a minha volta. Eu estava nervoso, porque eu nunca tinha falado para um grupo ... Fiquei assentado , com os olhos bem fechados e segurei a Bíblia acima da cabeça. Então disse: ‘Esta é a Bíblia ... um anjo do Senhor a mandou. Se quiserem uma terão de orar e buscar a Deus como eu fiz’. Eu não sabia como pregar, só sabia recitar os versículos que decorei. Por isto recitei todo o evangelho de Mateus, sem saber se estavam entendendo algo ... Estava cheio do Espírito Santo, cantava alguns cânticos da escritura ... músicas que eu não conhecia. Ao abrir os olhos todos estavam ajoelhados e chorando de arrependimento".


Toda sua família foi alcançada


“Sou grato a Deus porque ele salvou toda a minha família. Meu pai partiu para o Céu anos depois de ser curado milagrosamente de um câncer. Sofri e me alegrei ao mesmo tempo, pois o Senhor o resgatou. Deus usou a enfermidade de meu pai para levar nossa família ao pé da cruz. Minha mãe adorava a Deus noite e dia em jejuns e orações. O Senhor me deu uma esposa virtuosa, Delling. Disse a Ela: ‘- Deus me escolheu para ser testemunha Dele e seguí-lo através de dificuldades imensas, no caminho da cruz. Não tenho dinheiro e estou sendo perseguido pela polícia. Você quer mesmo casar comigo?’ Ela respondeu: ‘Nunca de abandonarei. Vamos nos unir e serviremos juntos ao Senhor.’ Quando fomos ao cartório para o casamento, fui identificado como criminoso contra o estado e fui preso. Mesmo assim, Delling não desistiu".


Foragido


Após o casamento, Yun foi preso novamente e por um milagre tremendo do Senhor, conseguiu escapar das mãos das autoridades, que o espancavam brutalmente. Passou então a ser considerado um foragido e tendo sua foto espalhada por diversas províncias, com o titulo de ser ‘um perigoso criminoso’.
“No inverno de 1978, começamos a batizar os convertidos. A única maneira segura era cortar um buraco no rio congelado, à noite, e batizá-los nas águas gélidas, enquanto os policiais dormiam. Multidões se convertiam todos os dias.” Havia muitas conversões milagrosas, como em regiões remotas e de difícil acesso, pessoas tinham experiências de pregação do próprio Senhor Jesus.


A situação de Yun piorou quando ele acusou diretamente alguns líderes da ‘Igreja dos três poderes’ de falsificadores da Palavra de Deus. Além de perseguido pelo governo, passou a ser caçado pela liderança da ‘Igreja dos três poderes’. Por várias vezes Yun relata fugas milagrosas das mãos de policiais cruéis. O livro é recheado de histórias que nos fazem lembrar as experiências de Paulo e de Pedro, no livro de Atos.


A lição da prisão


Finalmente preso e tremendamente espancado pela polícia, lhe foi prometido a liberdade se ele entregasse os líderes das igrejas domésticas. Condenado a 17 anos de cadeia, passou por sofrimentos inimagináveis. Os policiais foram instruídos a tratar mal todos os presos de sua cela, para que estes se revoltassem contra Yun. Não demorou para que fosse odiado por todos, que o passaram a espancar, jogar urina e fezes em seu rosto e roupas. Ainda havia o espancamento sofrido por policiais, tais como choques elétricos dentro da boca e outras torturas insuportáveis, como introdução de agulhas grandes entre suas unhas, enquanto policiais pisavam em suas mãos e pés, além de urinarem em seu rosto. Tudo tinha como objetivo que ele entregasse os outros irmãos para serem presos, em troca de sua liberdade.


Yun começou um jejum absoluto que durou 74 dias: sem água e comida. Passou a pesar menos de 30 quilos e continuou sendo torturado violentamente por presos e policiais. “Durante o jejum, embora meu corpo estivesse muito fraco, meu espírito se achava alerta e continuei confiando no Senhor.” Mas, o Senhor operou um tremendo milagre, quando todas as pessoas da sua cela foram tocadas pelo poder do evangelho e se converteram a Cristo. Yun teve os ossos de suas pernas esmigalhados a golpes de cassetetes, mesmo assim o Senhor operou um milagre, não só restaurando seus ossos, mas levando-o para fora da prisão, tal como aconteceu com Pedro e João no livro de Atos. As portas foram abertas e ninguém o via, até que ganhou o lado externo do complexo penitenciário.


Após uma breve abertura política na China, Yun pôde pregar o evangelho com mais liberdade, fase em que o impacto da obra que Deus iniciou através dele e outros irmãos causaram enorme impacto em toda China. Mas, a brutalidade do regime reacendeu e as igrejas domésticas voltaram a ser duramente perseguidas, com assassinatos, prisões e torturas de todo tipo. Yun conseguiu fugir milagrosamente da China em 2001, escapando da morte, em mais uma notável intervenção divina. Este irmão continua completamente voltado para a obra que o Senhor chama a todos os cristãos : anunciar a Cristo e seu evangelho. Após contatos com cristãos ocidentais, o Irmão Yun observou: “No ocidente vejo templos belíssimos e equipamentos caros. Posso afirmar que não é preciso construir mais nada, pois os bens materiais não produzirão a vida do Senhor. A igreja ocidental precisa voltar à palavra do Senhor, pois ela tem faltado. Não é necessário simplesmente o conhecimento da palavra, mas a completa obediência a ela.”



Hoje ele trabalha com uma missão chamada “Back to Jerusalém”, voltada a envio de missionários a países que perseguem duramente os cristãos, notadamente nos países muçulmanos.


IGREJA PERSEGUIDA NA CHINA


ENTREVISTA COM IRMÃO YUN – O HOMEM DO CÉU


. Estima-se que a população cristã na china de hoje beira os 80 milhões de indivíduos, o que a colocaria na segunda posição mundial em números absolutos de crentes. Esse número corresponde à realidade*
Bem, conforme os últimos relatos do ministério encarregado dos assuntos religiosos do governo chinês, o número de cristãos na China já passou dos 100 milhões. Os dados passados pelos responsáveis do governo são reais, pois há poucos dias um líder da Igreja doméstica me confirmou esse número. Eu, pessoalmente, acredito que são mais de 20 mil conversões por dia.


. Mas há organizações em mais de 30 mil novos convertidos ao Evangelho diariamente. Quantos deles pertencem às igrejas domésticas*
Cerca de 70 por cento dos crentes chineses são ligados às igrejas domésticas e às comunidades evangélicas domésticas. Os outros são membros da Igreja oficial.


. Quais são as maiores penalidades a que um cristão pode ser submetido pelas leis chinesas*


Na China, o cristão pode ser condenado até mesmo à pena de morte. É proibido falar do Evangelho. São permitidos apenas os cultos realizados pela Igreja oficial – e o governo impõe dia, hora e local para a realização dessas reuniões. Quem não cumpre exatamente o estabelecido é multado como os setenta pastores recentemente punidos. Como já disse, quem não tem dinheiro para arcar com essas multas acaba preso.


. Como é o dia-a-dia de um crente perseguido em função de sua fé*
Um cristão ou líder perseguido não deve retornar para sua casa. Caso a sua família ou os seus amigos o acolham, tornam-se seus cúmplices, e também podem ser presos. Muitos vão para as pequenas províncias para fazer o trabalho missionário. Mas, muitos outros, mesmo correndo o risco de serem presos, permanecem onde estão, falando do Evangelho por amor a Jesus.


. Como é o seu ministério hoje, depois que obteve asilo na Alemanha*
Meu ministério continua sendo pregar o Evangelho e dar testemunho do poder de Jesus. Eu trabalho principalmente com obreiros e pastores. Eu amo a Igreja doméstica chinesa e considero-me seu porta-voz aqui no Ocidente.


. Aos 51 anos de idade e depois de tantos sofrimentos, experiências milagrosas e realizações para o Reino de Deus, o que o senhor faria diferente em seu ministério, caso pudesse voltar no tempo*


Olha, eu agradeço a Deus por ter me convertido ao cristianismo aos 16 anos de idade. Na minha vida, já passei por muitos sofrimentos e também obtive muitas vitórias. Não me arrependo de nada. Porém, se eu tivesse a oportunidade de voltar no tempo novamente, eu faria tudo com maior convicção, dedicação e fé.



Informativo IBCA


LIVRO

O HOMEM DO CÉU - Irmão Yun & Paul Hattaway


terça-feira, 20 de agosto de 2013

Ciente da imagem

Ministérios RBC

Leitura: 2 Coríntios 3:1-3, 17-18
E todos nós, […] somos transformados, […] pelo Senhor, o Espírito. —2 Coríntios 3:18
Ao rever antigas fotos familiares, meus primos e eu brincamos sobre quais características físicas cada um herdou. Percebemos primeiramente as negativas: pernas curtas, dentes tortos, topetes rebeldes. Todos nós podemos identificar facilmente em nossos ancestrais as nossas partes do corpo menos preferidas. Além dos atributos físicos, herdamos traços de caráter — alguns bons, outros nem tanto. Mas nem sempre prestamos tanta atenção a estes.
De acordo com minhas observações não científicas, as pessoas tentam todos os tipos de métodos para superar imperfeições físicas — séries de exercícios, programas de perda de peso, maquiagem, tingimento de cabelos, cirurgia estética. Mas em vez de tentarmos superar as nossas falhas de caráter, tendemos a usá-las como pretexto para um mau comportamento. Suponho que isso ocorra porque mudar a nossa aparência é mais fácil do que mudar o nosso caráter. Mas imagine como estaríamos melhores se aplicássemos a nossa energia no desenvolvimento do caráter.
Como filhos de Deus, não estamos limitados à nossa composição genética. Podemos entregar nossas falhas a Ele e permitir que o Senhor cumpra o potencial que tinha em mente quando nos criou como expressões únicas de Seu amor. O poder de Espírito de Deus e a vida do Seu Filho estão agindo em nós, nos conformando à Sua imagem (2 Coríntios 3:18).
—JAL
O Espírito Santo desenvolve em nós a imagem nítida de Cristo.
Fonte: NOSSO ANDAR DIÁRIO/NOSSO PÃO DIÁRIO/
Ministerios RBC

segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Pr. Marco Feliciano classifica como "COVARDES" seus companheiros da Bancada Evangélica



Segundo informações publicados pelo Portal de NotíciasRONDOCRISTÃO, pastor Marco Feliciano teceu críticas severas aos colegas de bancada evangélica, à presidente Dilma Rousseff (PT) e à cantora e pastora Ana Paula Valadão, durante um evento na cidade de Canoas, região metropolitana de Porto Alegre – RS.
A crítica à líder do Ministério Diante do Trono (DT) foi em relação às declarações feitas por ela sobre uma aproximação da comunidade homossexual com as igrejas evangélicas. “Acho que a intenção de aproximar as pessoas é boa, mas dizer que temos que aprender com eles? Quer dizer que dois mil anos de igreja não serviram para nada? Sabe o que é isso? É a desculpa pra não terem as igrejas deles apedrejadas”, afirmou.
Sobre a bancada evangélica, disse que sua eleição para o cargo de presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias (CDHM) trouxe à tona uma postura covarde de seus colegas parlamentares: “Daqui a alguns dias, meninos e meninas serão adotados por dois homens ou duas mulheres… são 73 deputados [da bancada evangélica], mas eu sou o único maluco que fica lutando contra tudo isso, e na hora de aparecer, correm todos… crentes eleitos pelos seus votos, são covardes”, afirmou, de acordo com informações do portal Terra.
Sobre a presidente Dilma Rousseff, Feliciano afirmou que a queda de popularidade registrada pelos institutos de pesquisa é fruto de uma interferência divina: “A presidente do nosso País, que é do partido que mais me perseguiu, que é o PT, que há cinco meses estava com 75% de aprovação, caiu pra 30%, e ninguém consegue entender”, observou.
Segundo o repórter que acompanhou o sermão de quase duas horas, antes de se despedir do público, Feliciano anunciou a venda de dois DVDs, um livro, um CD e uma camiseta com os dizeres “Marco Feliciano me representa”, vendidos por R$ 10,00 cada: “Fiquei três meses sem poder pregar [devido aos protestos de ativistas gays], por isso peço que me ajudem”, disse.


Via: 

terça-feira, 13 de agosto de 2013

Acorde Igreja - David Wilkerson e Leonard Ravenhill


PROFETAS DO SENHOR NUMA TENTATIVA COLOSSAL DE DESPERTAR A IGREJA QUE DORME EM MEIO A SUA LUXÚRIA E PECADO, CAMINHANDO LENTAMENTE AO INFERNO COM TODO SEU MUNDANISMO, LEVANDO CONSIGO TODOS SEUS ADEPTOS. ATÉ QUANDO VAMOS CONTINUAR DORMINDO?

Para baixar esse Vídeo (Mp4) ou Áudio (Mp3) entre em nosso site e acesse o menu "Vídeos".

Visite nosso site: http://www.defesadoevangelho.com
Curta nosso Facebook: http://www.facebook.com/defesaevangelho
Siga-nos no twitter: http://www.twitter.com/defesadoev

Ministério Online Defesa do Evangelho
Este ministério online tem por objetivo divulgar o Evangelho de Jesus Cristo. Como também defender as sãs doutrinas de Cristo. Que você seja edificado através deste ministério e que ele seja para a glória de Deus. Essa é a nossa oração.



Categoria Pessoas e blogs
Licença Licença padrão do YouTube

Fonte: http://www.defesadoevangelho.com
www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=KPjbDgilmCc

domingo, 11 de agosto de 2013

Assaltante se converte e procura suas vítimas para pedir perdão




O programa Profissão Repórter da última terça-feira (6) mostrou a história de Silas de Jesus, um homem que foi condenado por assaltos e tentativas de homicídios que hoje se tornou evangélico e resolveu abandonar o crime.

Foram 14 anos de prisão e neste período ele conheceu a Cristo, uma história bastante comum no meio evangélico, já que diversas denominações realizam trabalhos em presídios para evangelizar os presidiários. Mas a história de Silas se torna diferente por conta de um detalhe: ele está tentando reencontrar suas vítimas para pedir perdão pelo mal causado.

Um das vítimas que já se encontrou com o ex-detento, solto há três meses, foi Djalma Carvalho que chegou a ser esfaqueado por Silas durante um assalto. Carvalho tentou impedir a fuga do assaltante e acabou sendo esfaqueado precisando até passar por uma cirurgia por conta dos ferimentos.

Ao se encontrar com o homem que lhe feriu, Carvalho afirmou que só Deus tem poder para perdoar. “Silas, o perdão quem dá é Deus. Eu fiquei quatro dias na UTI, praticamente sem chance de vida. Mas perdoo, sim. Eu te perdoo”, disse.

Os dois homens emocionados se abraçaram e Djalma ainda abençoou o ex-assaltante. “Deus te abençoe, e à sua família. Em nome do Senhor Jesus”.
Fonte: http://www.gospeljovens.com.br/not.php?cod_noticia=3826&titulo=Assaltante%20se%20converte%20e%20procura%20suas%20v%EDtimas%20para%20pedir%20perd%E3o

sábado, 10 de agosto de 2013

- Bombeiros afirmam ter visto anjo salvar vítima de acidente




É possível que um anjo tome forma humana e converse com as pessoas? Segundo o relato de uma adolescente e dois bombeiros, sim.

No dia 4 de agosto, Katie Lentz, 19, dirigia seu carro numa estrada rural perto de Center, Missouri, quando um motorista bêbado atravessou a faixa contrária, andou alguns metros na contramão e acertou o carro dela em cheio. Aaron Smith, 26, o motorista do outro carro, saiu ileso, mas a jovem ficou presa nas ferragens do seu carro.

Logo chegou uma equipe de socorristas. Mas após alguns minutos trabalhando, notaram que suas ferramentas não estavam conseguindo cortar o metal. O acidente havia amassado muito a parte frontal, e como se tratava de um modelo antigo de Mercedes, o material era mais rígido que o da maioria dos carros atuais. Para piorar a situação, Katie ficara presa entre o volante e o banco, dificultando o acesso e parecia estar piorando. Ela havia perdido muito sangue.

De repente, surgiu ao lado deles um homem que vestia roupas cumpridas, como de um sacerdote. Ele pediu aos dois bombeiros que estavam ali para orarem em voz alta com ela, pois o socorro havia chegado. Raymond Reed, chefe da equipe de bombeiros socorristas, disse que o homem estava muito calmo e carregava uma espécie de garrafa com óleo.

“Quando ele falava, uma sensação de calma tomou o ambiente e nos fez muito bem. Eu não sei dizer exatamente que palavras ele usou, mas eu e outro bombeiro, temos certeza que ele nos pediu calma e que as nossas ferramentas de trabalho e iriam tirá-la do veículo… Era um carro antigo, de estrutura muito forte, e com o choque precisávamos cortar as várias camadas de metal prensado, em vez de apenas uma camada como é o normal”, disse Reed.

Logo em seguida, ouviram outra equipe de resgate chegar ao local, trazendo equipamentos mais novos. Em poucos minutos ela foi liberta e colocada em segurança a bordo de um helicóptero que a levou para o hospital. Enquanto comemoravam, os vários bombeiros e médicos presentes no local ouviram os primeiros socorristas perguntando pelo sacerdote misterioso. Ninguém conseguiu encontrá-lo.

Foi então que o mistério começou a intrigar a todos. Como a rodovia fora bloqueada logo após o acidente ser comunicado, nenhum carro ou pedestre poderia ter chegado até o acidente sem ser visto pela polícia. Como se tratava de uma zona rural, e não havia nenhuma estrada local, tampouco se ouviu algum carro ou moto chegando ao local, de onde teria vindo aquele homem? E agora, para onde havia ido?

Foi então que eles notaram que os cabos de energia formavam a imagem de uma cruz na estrada perto do local do acidente. Para os bombeiros e os familiares de Katie Lentz, tratava-se do sinal de um anjo.

O chefe Reed é franco: “Sendo um socorrista, a gente nunca sabe com o que vai se deparar. Nós temos uma série de ferramentas, e fazemos sempre treinamentos intensivos. Neste caso em particular, a minha sensação é de que vimos uma manifestação de fé, nada menos que um milagre”.

Para Travis Wiseman, amigo da jovem acidentada, persiste a dúvida. “Nós estamos procurando o sacerdote até agora, mas ninguém o viu. Se era um anjo real eu não sei, mas ele foi um anjo para todos que estavam ali, especialmente a Katie”.

Por ter sofrido várias fraturas, a senhorita Lentz precisou submeter-se a várias cirurgias e está recuperada, não sofrendo nenhuma sequela grave. Aaron Smith está respondendo a um processo por dirigir embriagado, podendo ser condenado à prisão.

Com informações Yahoo e WND.

Via:http://www.gospeljovens.com.br/not.phpcod_noticia=3825&titulo=Bombeiros%20afirmam%20ter%20visto%20anjo%20salvar%20v%EDtima%20de%20acidente

Declaração do Pr. Ivonélio Abrahão - ( Thalles Roberto )




O video Relata o Que Aconteceu no Dia 18 de Julho de 2013 ! Pastor Ivonélio Abrahão explica tudo para todos os familiares, amigos e toda a População do Brasil e do Exterior, Com todas as Provas !

Categoria Notícias e política

Licença Licença padrão do YouTube

SÍRIA - Jovens lotam igreja durante treinamento bíblico


jovem síria.jpg
Mesmo com toda hostilidade e sofrimento que tem enfrentado, a juventude cristã compareceu em grande número para o treinamento "Contigo, não temerei”, que recebeu o apoio da Portas Abertas. Centenas de jovens sírios chegaram ao encontro manifestando um apreço especial pelo período de oração

A necessidade de orar era tão grande que os organizadores decidiram inserir mais momentos de oração durante o evento. Neste ano, as igrejas em Aleppo comemoram o "Ano da Fé" e o treinamento "Contigo, não temerei" faz parte do tema.
"A ideia foi lançada em comemoração ao Ano da Fé, para renovar e reavivar a fé cristã no coração da juventude em Aleppo", relata uma das pessoas envolvidas na organização do evento. "Começamos nossa preparação com todos os líderes representantes de todos os grupos e organizações católicas. Eram 31 representantes, que formaram uma equipe de planejamento. Estabelecemos um plano e atribuímos tarefas aos diferentes comitês."
O evento foi preparado contando com a presença de cerca de 750 jovens; embora a situação em Aleppo esteja longe de um ambiente pacífico e seguro, mais de 1400 pessoas compareceram. "O local era adequado para 1100, no máximo", confessa. Então, foi necessário improvisar para integrar mais 300 participantes."Foi muito encorajador ver tantos jovens reunidos em um só lugar”, comenta a organizadora.
Jovens de diferentes organizações e grupos trabalharam juntos, mesmo sem nunca terem se visto antes. "O evento aproximou os jovens e os ajudou a tornar este encontro bem-sucedido, além de ter-lhes dado a possibilidade de fazerem juntos o trabalho de Cristo."
Oração
O período de adoração e oração foi muito especial. "Foi um momento único, tanto que repetimos diversas vezes, porque vimos a enorme necessidade de orar durante estes tempos difíceis”, narrou um participante.
Todo o ensino era sobre o tema: "Contigo, não temerei". Os oradores tentaram responder às questões da juventude sobre fé e paz verdadeira diante das atuais circuntâncias na Síria. A Portas Abertas patrocinou o evento porque um dos objetivos do ministério é justamente investir na geração de jovens cristãos que irá fortalecer a Igreja futuramente. Um dos comitês organizadores escreveu: "Agradecemos o apoio da Portas Abertas neste trabalho com a juventude cristã. Pedimos ao Senhor que lhes conceda graça para continuar com a grande missão que o Senhor os chamou a realizar."
Você também pode ajudar a Igreja síria a se reestabelecer! Participe da campanha Apoie Síria, promovida pela Portas Abertas: www.apoiesiria.org
Pedidos de oração
• Ore pelos jovens que participaram do evento; para que eles permaneçam firmes na fé e dependam sempre do Senhor.
• Peça pelo sucesso de outros eventos direcionados à juventude na Síria, que a Portas Abertas está apoiando.
FontePortas Abertas Internacional
TraduçãoDaniela Cunha

sexta-feira, 9 de agosto de 2013

Pastor e fiel são presos e levados a julgamento por lerem a Bíblia em voz alta num espaço público

Pastor e fiel são presos e levados a julgamento por lerem a Bíblia em voz alta num espaço público



Por Tiago Chagas
Um pastor e um membro de sua denominação foram presos e levados a julgamento por terem lido a Bíblia em voz alta, num espaço público. O caso ocorreu no condado de Murrieta Riverside, na Califórnia.
O pastor Bret Coronado e Mark Mackey estava acompanhados de outros membros na calçada em frente ao Departamento de Veículos Automotores (DMV) e liam suas Bíblias, quando um policial rodoviário os deteve dizendo que eles não poderiam “pregar para um público cativo”.
Como não existe no Código Penal da Califórnia nenhum artigo sobre isso, o policial alegou que eles haviam violado a Seção 602.1 (b), que é destinado a proteger empresas que intimidem manifestantes para desocupar as entradas de seus clientes, em caso de protestos, e prevê prisão por 90 dias ou multa de até US$ 400,00.
Como o pastor e o membro estavam a cerca de 40 metros da entrada do DMV – que não estava em funcionamento no horário – e não estavam protestando, a defesa de ambos alega que a ação do policial foi equivocada.
A entidade Advocates for Faith and Freedom, formada por advogados e que visa a proteção da fé e liberdade, protocolou uma ação federal contra a Patrulha Rodoviária da Califórnia por detenção ilegal.
Em contrapartida, o promotor Paul Zellerbach decidiu acusar os dois por violação de propriedade do Estado, tido como contravenção no Código Administrativo Califórnia, Seção 1860 (a), que diz que “nenhuma pessoa deve possuir ou transportar qualquer manifestação ou reunião em prédios públicos ou terrenos a menos que tenha obtido uma autorização do referido departamento “.
O fato ocorreu há mais de um ano, porém os imbróglios ligados ao evento postergaram o início do julgamento, que começou na última segunda-feira, 05 de agosto, e tem previsão de duração de cinco dias.
Os advogado de defesa Nic Cocis e Robert Tyler, conselheiro geral da Advocates for Faith and Freedom, estará defendendo o pastor Bret Coronado e Mark Mackey. “Estes homens estavam com a permissão do direito da Primeira Emenda à liberdade de expressão. Eles estavam simplesmente compartilhar sua fé em propriedade pública, e vamos defender seus direitos constitucionais. Esta acusação equivale a nada mais do que vingança para a nossa apresentação de uma ação judicial federal”, afirmou Tyler
De acordo com o Charisma News, a defesa alega ainda que o processo em execução é inconstitucional porque viola o direito da Primeira Emenda à liberdade de expressão e é inconstitucionalmente vaga, violando a cláusula do devido processo da Décima Quarta Emenda. Além de argumentar que a exigência de licença não se aplica porque ambos não estavam envolvidos em uma manifestação ou reunião.
Fonte: Gospel+

Casal de homossexuais vai à Justiça para obrigar igreja a realizar cerimônia de casamento gay




Após a recente aprovação do casamento gay pelo parlamento britânico, um casal homossexual foi à Justiça solicitar que as igrejas cristãs do país sejam obrigadas a celebrar cerimônias de enlace matrimonial de pessoas do mesmo sexo.

Barrie e Tony Drewitt-Barlow, que estabeleceram uma união estável em 2006, querem agora se casar em uma igreja, e para isso, estão movendo uma ação judicial que serviria de precedente para todos os casais que tiverem o mesmo desejo.

Entretanto, a lei aprovada no Reino Unido possui um dispositivo que protege as igrejas que decidirem não realizar cerimônias de casamento gay, a fim de preservar a liberdade de crença e religião, e por consequência seus princípios.

Um dos noivos, Barrie, afirmou que a legalização do casamento gay não é suficiente: “Por mais que as pessoas estejam dizendo que isso é uma coisa boa, eu ainda não estou conseguindo o que eu quero”, afirmou ao jornal Essex Chronicle.

“O único caminho para nós agora é levar um desafio para os tribunais contra a igreja. É uma pena sermos obrigados a levar os cristãos a um tribunal para fazê-los nos reconhecerem. Isso me incomoda porque eu quero muito – uma cerimônia grande, toda a obra. Eu só não acho que isso vai acontecer de imediato”, afirmou Barrie Drewitt-Barlow.

De acordo com o site WND, esse tipo de pressão por parte de casais homossexuais contra as igrejas, em países onde o casamento gay foi legalizado, só tende a aumentar. Igrejas nos Estados Unidos já estariam se preparando para longas batalhas judiciais nos próximos anos.

“É importante que os pastores tomem medidas para proteger a integridade teológica da Igreja no que se refere a cerimônias de casamento, aconselhamento e outras atividades relacionadas, tais como, o uso de igreja instalações, funcionários e da sociedade”, orientou um recente comunicado da Convenção Batista do Sul da Califórnia.


Por Tiago Chagas, para o Gospel+

quinta-feira, 8 de agosto de 2013

Jesuíta italiano teria sido sequestrado na Síria

Paolo-DallOglio.jpg
Um grupo de ativistas sírios informou à agência de notícias Reuters que o padre jesuíta italiano Paolo Dall'Oglio teria sido sequestrado por um grupo de jihadistas ligados à Al Qaeda na cidade de Raqqua, no norte da Síria
O religioso estava no local, "em missão" na cidade controlada por milícias fundmentalistas islâmicas. Ele mesmo informou da chegada em sua página noFacebook, sem especificar a razão de sua viagem. "Orem por mim, para que eu tenha sorte nessa missão para a qual eu vim até aqui", escreveu o religioso na rede social.

O Ministério das Relações Exteriores da Itália não confirmou o sequestro de Dom Dall'Oglio, se limitando a anunciar que está realizando todas as verificações necessárias. O Vaticano também não confirmou o sequestro de Dall'Oglio. A agência de notícias ANSA constatou que o religioso não responde mais às ligações telefônicas.

Segundo as fontes citadas pela Reuters, o religioso teria sido sequestrado enquanto andava na rua, por um grupo de milicianos do Estado Islâmico do Iraque e do Levante, organização filiada à Al Qaeda e ligada a grupos jihadistas que lutam contra o regime de Bashar al Assad.

Dom Dall'Oglio, jesuíta de 59 anos, promoveu por mais de 30 anos o diálogo entre islã e cristianismo na Síria. Fundador da comunidade monástica de São Moisés o Abissínio, por longo tempo foi chefe da comunidade monástica de Mar Musa, ao norte de Damasco. Em junho de 2012 foi expulso pelo governo sírio, após ter tomado abertamente posição em favor do plano de paz do então enviado especial da Organização das Nações Unidas (ONU) para a Síria, Kofi Annan. 

Essa não seria a primeira vez que religiosos cristãos acabam sendo sequestrados por rebeldes no norte da Síria. No dia 22 de abril, perto de Alepo, dois bispos ortodoxos foram raptados, voltando de uma missão, em uma localidade próxima à fronteira da Turquia. A razão desses sequestros seria o apoio da Igreja Ortodoxa síria ao regime de Assad, temendo que em caso de queda do atual governo, grupos fundamentalistas islâmicos sunitas tomariam o poder em Damasco. (Notícia da ANSA, replicada pelo UOL)
Síria, o último apelo. Entrevista com Paolo Dall'Oglio
No ano passado, o jesuíta Paolo Dall'Oglio concedeu entrevista à Fundação Oásis, acerca da situação no território sírio. Para ler, clique aqui. A reportagem é de Marialaura Conte e Martino Diez, publicada no sítio da Fundação Oasis, 24-01-2012. A tradução é de Moisés Sbardelotto.
FonteANSA, UOL e IHU Unisinos

domingo, 4 de agosto de 2013

Livros evangélicos grátis? Conheça algumas bibliotecas evangélicas virtuais


Atualmente são muitos os recursos (livros, apostilas, áudios, vídeos etc) gratuitos na rede, materiais disponibilizados pelos seus próprios criadores para a evangelização, edificação e capacitação de tantos leitores quanto possível. Vamos listar aqui uma série de bibliotecas virtuais que reúnem recursos evangélicos, com a condição de que são todos liberados pelos próprios autores para download gratuito.

Biblioteca Virtual Letras Santas - Esta biblioteca reúne centenas de materiais (livros, apostilas, folhetos, apresentações etc) de interesse evangélico ou de utilidade pública, em português, inglês e espanhol, sendo farta a literatura missionária. Todos os materiais foram disponibilizados gratuitamente pelos seus autores/editores.
Biblioteca Missionária Veredas - Nesta biblioteca no site Scribd, reunimos dezenas e dezenas de materiais (livros, apostilas, revistas, folhetos evangelísticos etc) que podem ser lidos online, e também baixados gratuitamente. Como o nome diz, o foco aqui é apenas em Missões e Evangelização.
Biblioteca Missions and Evangelism - Seguindo o mesmo princípio da Biblioteca Missionária Veredas, nesta pasta no Scribd reunimos materiais sobre Missões e Evangelização, mas apenas na língua inglesa. Folhetos, livros, revistas e muito mais!
Biblioteca Virtual da Igreja Metodista de Vila Izabel - Esta biblioteca reúne dezenas de livros, teses e estudos de autores metodistas, e outros. Uma excelente iniciativa esta, a de disponibilizar muito da literatura metodista gratuitamente. Que outras denominações sigam este nobre exemplo de mordomia cristã.
Biblioteca Virtual da Igreja da Lagoinha - A igreja Lagoinha disponibiliza dezenas de livros do Pr. Márcio Valadão e muitos outros autores. São mais de 250 (!!!) e-books com excelente projeto gráfico e variado conteúdo cristão.
Três projetos de certa maneira interligados, e que publicam constantemente e-books gratuitos, são o Projeto Spurgeon, o Projeto Ryle e o Projeto Castelo Forte. São muitos os e-books, e você pode navegar pelos sites e baixar gratuitamente muita coisa boa.


Caso você possua dicas de bibliotecas virtuais semelhantes (e que trabalhem com material liberado pelos autores), por favor envie-me a dica para que eu a insira por aqui: sammisreachers@ig.com.br


Fonte:http://arsenaldocrente.blogspot.com.br/2013/08/livros-evangelicos-gratis-conheca.html

Postagens Recentes