sábado, 22 de abril de 2017

Cristãos podem ser julgados pela sharia

Embora o projeto de lei Hudud ainda não tenha sido aprovado, vários partidos islâmicos lutam para que ele faça parte da Constituição do país
Recentemente, o governo malaio retirou seu apoio a um projeto de lei que tinha como objetivo fazer alterações na Constituição do país. Basicamente, o projeto abre caminho para a introdução do direito penal baseado na sharia (lei islâmica), em estados federais, como Kelantan, por exemplo. A proposta, no entanto, continua a ser apresentada no Parlamento e os políticos que a apoiam não vão desistir facilmente dela. Um deles, inclusive, afirmou que um dos partidos se precipitou em tentar impedir as alterações.
Essa situação tem gerado dúvidas em relação ao posicionamento do governo. “Por outro lado, porém, observadores alertam que esse movimento pode muito bem ser visto como uma tática da liderança política para ganhar votos das minorias étnicas e religiosas. Embora o progresso desse projeto esteja interditado pelo parlamento, a introdução da lei penal da sharia ainda é uma opção para o futuro dos malaios, dependendo somente do resultado das próximas eleições”, disse um colaborador da Portas Abertas.
A discussão acontece desde o ano passado. O projeto de lei se chama Hudud e a tradução dessa palavra árabe significa “restrição”, ou seja, o limite que a lei islâmica impõe sobre as pessoas. Segundo o conceito islâmico, quem ultrapassa esse limite deve ser punido de acordo com a sharia. Mas, de acordo com um especialista em leis, se o projeto realmente for aprovado, resultará em punição desigual para muçulmanos e não muçulmanos, independente do crime ser o mesmo.
No caso dos cristãos que já experimentam um alto nível de perseguição, a situação pode ficar ainda pior. Quem se converte ao cristianismo é acusado de apostasia e de agir contra a própria etnia e nação. Por lei, todo malaio é muçulmano e não tem permissão para seguir outra religião, logo, a conversão ao cristianismo é considerada um crime. Um dos partidos políticos chegou a cogitar a possibilidade de pena de morte para o “crime de apostasia”. Ore pelos nossos irmãos na Malásia.
FonteUCA News
Via: Portas Abertas Brasil

quinta-feira, 20 de abril de 2017

Londres: 423 novas mesquitas e 500 igrejas fechadas




O multiculturalismo está alimentando o fundamentalismo islâmico na Europa


por Jarbas Aragão

Londres: 423 novas mesquitas e 500 igrejas fechadas
“Londres está mais islâmica do que muitos países muçulmanos”, afirmou Maulana Syed Raza Rizvi, um dos pregadores islâmicos que lideram o “Londrestão”, como a jornalista Melanie Phillips chama a capital Inglesa.

Wole Soyinka, Prêmio Nobel de Literatura, chamou recentemente o Reino Unido de “um caldeirão de islâmicos”. Por sua vez o prefeito de Londres, Sadiq Khan, que é muçulmano, tentou minimizar o recente ataque terrorista na cidade. “Os terroristas não suportam o multiculturalismo de Londres”, afirmou.

Parece, na verdade, que o oposto é verdadeiro: o multiculturalismo é o que está alimentando o fundamentalismo islâmico. Um exemplo disso são as 423 novas mesquitas da cidade, que parecem ter sido construídas sobre as ruínas do cristianismo inglês.
Realize o Seu Sonho de Tocar Piano sem Sair de Casa. Comece Agora!

O prédio da Igreja Unida de Hyatt foi comprado pela comunidade egípcia para ser transformado em uma mesquita. A Igreja de São Pedro foi convertida na Mesquita de Madina.

A mesquita de Brick Lane está num prédio que antes abrigava uma igreja metodista. O mais importante é que não são apenas os edifícios que sendo “convertidos”, as pessoas também. O número de adeptos do Islã dobrou nos últimos anos. Também cresce os adeptos do Islã radical, como Khalid Masood, o terrorista que matou pessoas na ponte de Westminster vinha de uma família cristã.

Uma foto recentemente publicada pelo Daily Mail ilustra bem o que se passa no coração de Londres. Ela mostrava uma igreja na mesma rua de uma mesquita. Na Igreja de Santa Maria, com espaço para acomodar mais de mil fiéis, apenas 20 pessoas se reuniram na missa. A poucos metros dali, a mesquita de Brune Street estava superlotada. Ela tem espaço para apenas 100 pessoas. Às sextas-feiras, os seus frequentadores fazem as rezas no meio de rua.

Igrejas vazias na Inglaterra.


Ao que parece, o cristianismo na Inglaterra está se tornando uma relíquia, enquanto o Islã será a religião do futuro.

Em Birmingham, a segunda maior cidade britânica, onde muitos jihadistas vivem e orquestram seus ataques, os minaretes islâmicos dominam a linha do horizonte. A comunidade islâmica pediu à prefeitura permissão para que as mesquitas britânicas chamem os fiéis à oração pelos alto-falantes das mesquitas várias vezes por dia.

Embora cerca de metade dos muçulmanos britânicos tenham menos de 25 anos, um quarto dos cristãos tem mais de 65 anos. “Em mais 20 anos haverá mais locais muçulmanos ativos do que igrejas”, avalia o líder ateísta Keith Porteous Wood.

Em 2020, estima-se que o número de muçulmanos praticantes será de, pelo menos 683.000, enquanto o número de cristãos que participam da igreja cairá para 679.000. “A nova paisagem cultural das cidades inglesas chegou. A paisagem homogeneizada e cristã da religião do Estado está em recuo”, avalia Ceri Peach, da Universidade de Oxford.

Desde 2001, 500 igrejas de Londres de todas as denominações foram vendidas e transformadas em casas particulares ou locais de entretenimento. Durante o mesmo período, as mesquitas britânicas se proliferaram.

Entre 2012 e 2014, a proporção de britânicos que se identificam como anglicanos caiu de 21% para 17%, um decréscimo de 1,7 milhões de pessoas. De acordo com uma pesquisa realizada pelo respeitado Instituto de Pesquisa Social NatCen, o número de muçulmanos cresceu em quase um milhão.

O número de cristãos praticantes está em declínio a uma taxa tal que dentro de uma geração, serão três vezes menor que os muçulmanos que vão regularmente à mesquita na sexta-feira.

Demograficamente, a Grã-Bretanha vem ficando cada vez mais islâmica. As cidades mais importantes têm grandes populações muçulmanas: Manchester (15,8%), Birmingham (21,8%) e Bradford (24,7%).

Em Birmingham, a polícia desmantelou uma célula terrorista. Em Bradford e Leicester, metade das crianças já são muçulmanas. Em 2015, o nome mais comum na Inglaterra era Mohammed, incluindo variações de ortografia como Muhammad e Mohammad.

Os muçulmanos não precisam se tornar a maioria no Reino Unido; só precisam gradualmente islamizar as cidades mais importantes. Essa mudança já está ocorrendo. “Londrestão” não é um pesadelo de maioria muçulmana, é um híbrido cultural, demográfico e religioso em que o cristianismo declina e o Islã avança.
Tribunais de sharia

A imprensa é parcialmente responsável por isso. Por exemplo, depois do ataque à revista satírica francesa Charlie Hebdo, o chefe do serviço secreto, Sir John Sawers, recomendou a autocensura e “alguma restrição” ao se discutir o Islã. Em muitos casos de atentados, os meios de comunicação evitam a palavra terrorismo e eliminam os aspectos religiosos que geralmente são a motivação dos ataques.

De acordo com um levantamento da revista The Spectator, apenas duas das 1.700 mesquitas na Grã-Bretanha hoje ensinam uma interpretação moderada do Islã, em comparação com 56% nos Estados Unidos. Os wahabitas controlam 6% das mesquitas no Reino Unido, enquanto o ramo fundamentalista Deobandi controla 45%.

De acordo com uma pesquisa do Centro de Conhecimento da Inglaterra, um terço dos muçulmanos que vivem lá não se sente “parte da cultura britânica”.

Como outras capitais na Europa, Londres também está cheia de tribunais da sharia. Há oficialmente 100. O advento deste sistema judicial paralelo foi possível graças à Lei de Arbitragem Britânica e ao sistema de Resolução Alternativa de Disputas.

O primeiro passo para a introdução da sharia foi justamente o discurso de “neutralidade”. Um dos principais juízes britânicos, Sir James Munby, disse que o cristianismo já não influencia os tribunais e que estes devem ser “multiculturais”, o que abriu espaço para a lei religiosa islâmica – que pede a morte dos infiéis – ser vista com naturalidade.

Rowan Williams, ex-arcebispo de Canterbury, e o ministro da Justiça Lord Phillips também sugeriram que a lei britânica deveria “incorporar” elementos da lei da sharia. A cultura britânica está capitulando rapidamente aos fundamentalistas islâmicos, para aceitar suas demandas.

Nas universidades britânicas também pode ser visto o avanço da lei islâmica. As diretrizes oficiais das universidades do Reino Unido agora preveem que “grupos religiosos ortodoxos” podem separar homens e mulheres durante os eventos.

Na Universidade Queen Mary de Londres, as mulheres usam uma entrada separada e são forçadas a sentar-se numa sala sem poder fazer perguntas ou levantar as mãos, como é a norma nos países islâmicos, onde as mulheres têm direitos limitados. 

Com informações Gatestone Institute

Via:


https://noticias.gospelprime.com.br

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Janela 10/40 engloba os países menos evangelizados do mundo

São 62 nações que se fecharam para a mensagem do evangelho e conta com missionários de várias partes do mundo para levar as Boas Novas.Resultado de imagem para JANELA 1040
Muitos cristãos não sabem, mas algumas organizações missionárias trabalham arduamente para levar o evangelho para a região chamada de “Janela 10/40”, considerada como a região menos evangelizada do mundo.

Este nome se deu pela localização dos 62 países que formam um retângulo aos graus 10 e 40 acima da linha do Equador. A região engloba o norte da África, o Oriente Médio e a maioria dos países da Ásia, países dominados pelo islamismo, hinduísmo e budismo.

Entre os ministérios que oferecem apoio missionário nesses locais encontramos a Junta de Missões Mundiais, da Igreja Batista, e também o Portas Abertas que mesmo sem usar este termo realiza trabalhos em muitos desses países.

Para se ter uma ideia da dificuldade de realizar um trabalho de evangelização nesses lugares o Portas Abertas selecionou alguns depoimentos de cristãos que vivem na região.


Um cristão indonésio comemorou a oportunidade que lhe foi dada de participar de uma Escola Bíblica: “A Portas Abertas me capacitou para cumprir meu chamado no serviço a Deus através dessa Escola Bíblica. Deus supriu todas as minhas necessidades em todos os sentidos.”

Já um pastor egípcio comemorou ter recebido sua primeira Bíblia. “Eu cresci em uma vila cristã, mas esta é a primeira vez em 30 anos que recebo uma Bíblia inteira pra usar em minha igreja.”


A situação desses países é tão grande que desses 62 que compõem a Janela 10/40, 43 estão na lista dos países de maior perseguição contra cristãos. Incluindo a Coreia do Norte, Afeganistão, Arábia Saudita, Somália e Irã são os cinco países que mais perseguem os cristãos em todo o mundo.


Cristão vietnamita é atacado pelo próprio irmão





Agora, a família que decidiu não negar a Cristo, está vivendo na casa de um líder cristão, para evitar novas agressões

Khanh* é um cristão de 28 anos que vive na província de Lao Cai, ao norte do Vietnã. Recentemente, ele foi atacado pelo próprio irmão, ficando com a boca ferida e com a cabeça e uma das pernas machucadas. Há cinco anos, ele, a esposa e a filha se converteram ao cristianismo. Desde então, a família se encontra frequentemente com irmãos na fé. Em uma das reuniões, porém, os líderes da aldeia o avisaram para abandonar a fé cristã e que se ele não obedecesse, o governo então cortaria os benefícios sociais que sua família recebe, entre eles, os serviços de saúde e educação.

O líder da aldeia, conhecido como Sr. Duy* também o alertou que seriam expulsos da comunidade se insistissem em acreditar em Jesus Cristo. No dia seguinte, no período da noite, Than*, o irmão do cristão, foi até sua casa a fim de exortá-lo a abandonar a fé. Khanh se recusou e isso deixou seu irmão furioso. Ele então agiu com violência, quebrando alguns objetos da casa e agredindo Khanh. Sua filha também foi atingida durante o ocorrido.

Agora, a família que decidiu não negar a Cristo, está vivendo na casa de um líder cristão, para evitar novas agressões. O Vietnã é a 17ª nação na atual Lista Mundial da Perseguição. Embora o cristianismo seja bem representado (8,3 milhões de cristãos), o governo comunista rejeita-o e protege o budismo. O nível de violência aumentou consideravelmente no último ano, quando o Vietnã era o 20º na Lista, fazendo o país subir três posições. Ore por essa nação.

*Nomes alterados por motivos de segurança.

Fonte:
Portas Abertas - Servindo cristaos perseguidos
www.portasabertas.org.br

terça-feira, 18 de abril de 2017

O EVANGELHO DE JESUS NÃO É TÃO CARO ASSIM.

Mt.7:15 Acautelai_vos, porém, dos falsos profetas, que vêm até vós vestidos como ovelhas, mas, interiormente, säo lobos devoradores.



1 E também houve entre o povo falsos profetas, como entre vós haverá também falsos doutores, que introduziräo encobertamente heresias de perdiçäo, e negaräo o Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina perdiçäo.
2 E muitos seguiräo as suas dissoluçöes, pelos quais será blasfemado o caminho da verdade.
3 E por avareza faräo de vós negócio com palavras fingidas; sobre os quais já de largo tempo näo será tardia a sentença, e a sua perdiçäo näo dormita.







Paulo disse:

Gl.1:8 Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos anuncie outro evangelho além do que já vos tenho anunciado, seja anátema.

Copiei do Pastor Manoel Correia
.


domingo, 16 de abril de 2017

O QUE É PÁSCOA ???


 

(Exodo 12)  

A palavra páscoa significa = "passando por cima"ou"poupando".
Deus deu uma ordem para que seu povo no Egito colocasse
o sangue de um cordeiro nas ombreiras e na verga das portas
de sua casas, pois a meia noite o anjo da morte iria passar 
e matar todo primogênito de cada família, mas a casa 
que tivesse o sangue seria “poupada” e assim aconteceu. 
A partir daí o povo de Israel passou a comemorar a páscoa.
Jesus é o cordeiro de Deus que derramou o seu sangue 
na cruz, para nos livrar da morte eterna.
A partir da morte e ressureição de Cristo a igreja passou a 
comemorar a salvação através da ceia do Senhor(pão e vinho).
Só pelos méritos do sangue de Cristo poderemos ser salvos.
Jo.1:29 No dia seguinte João viu a Jesus, que vinha para ele, 
e disse:Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo.
1co.5:7b-Porque Cristo, nossa páscoa, foi sacrificado por nós.
Ex.12:7 E tomarão do sangue, e pô-lo-ão em ambas 
as ombreiras, e na verga da porta, nas casas em que o comerem. 
12 E eu passarei pela terra do Egito esta noite, e ferirei todo 
o primogênito na terra do Egito, desde os homens até aos 
animais; e em todos os deuses do Egito farei juízos. 
Eu sou o SENHOR. 
13 E aquele sangue vos será por sinal nas casas em que 
estiverdes; vendo eu sangue, passarei por cima de vós, 
e näo haverá entre vós praga de mortandade, 
quando eu ferir a terra do Egito.
1co.5:7b- Porque Cristo, nossa páscoa, foi sacrificado por nós.

Curso de Missões Interno, pakau oro mon

COREIA DO NORTE DIZ QUE ESTÁ PRONTA PARA GUERRA



Coreia do Norte está preparada para responder a qualquer ataque nuclear pelos mesmos meios, garantiu neste sábado (15) o regime de Pyongyang, respondendo indiretamente às declarações do presidente dos Estados Unidos de que o "problema" norte-coreano seria "tratado".

Pyongyang comemorou neste sábado com um desfile militar o "Dia do Sol", data do nascimento do líder fundador da dinastia, Kim Il-Sung (15 de abril de 1912 - 8 de Julho de 1994), avô do atual líder norte-coreano.

Depois de inspecionar a guarda de honra, o atual líder Kim Jong-Un, vestido com um terno preto, supervisionou as tropas que marcharam pela praça Kim Il-Sung, ao lado das mais altas autoridades militares do país.

Depois de uma salva de 21 canhões, dezenas de milhares de soldados da força de infantaria, da Marinha e da Aviação, desfilaram com o passo de ganso, virando a cabeça para o balcão onde o líder norte-coreano estava.

Alguns destacamentos portavam rifles ou lança-granadas e outros tinham óculos de visão noturna e o rosto pintado.
Atrás deles, tanques e armas que preocupam a comunidade internacional: um total de 56 mísseis de 10 classes diferentes, transportados por reboques e caminhões.
Pyongyang tem sido alvo de várias resoluções da ONU que procuram impedir o país de adquirir tecnologia nuclear e balística.

O país asiático, que já realizou cinco testes nucleares nos últimos meses, quer desenvolver um míssil intercontinental capaz de atingir os Estados Unidos, o que, de acordo com o presidente Donald Trump, "não vai acontecer".
Além de celebrar o "Dia do Sol", Pyongyang utilizou o desfile para uma demonstração de força e enviar uma mensagem a Washington, Seul, Tóquio e demais países sobre as suas capacidades militares.

Kim não falou durante a cerimônia, mas o vice-presidente da Comissão dos Assuntos de Estado, segundo na hierarquia do país, fez um discurso desafiador no qual alertou que o país está pronto para reagir a qualquer provocação.

"Estamos prontos para responder a uma guerra total com uma guerra total e estamos prontos para responder com ataques nucleares a qualquer ataque nuclear", declarou Choe Ryong Hae.


Fonte: g1.globo.com
Via/www.espacogospelnews.com.br
 

sexta-feira, 14 de abril de 2017

Celebre

Converteste o meu pranto em folguedos; tiraste o meu pano de saco e me cingiste de alegria. v.11

Leitura: Salmo 30
A Bíblia em um ano: 1 Samuel 22–24, Lucas 12:1-31
Após receber o seu segundo Oscar, o ator Denzel Washington falou à sua família: “Eu disse a vocês que se eu perdesse nesta noite, iríamos para casa celebrar. E se ganhasse, faríamos o mesmo.” O ator, que é cristão, confiou em Deus tanto nas bênçãos quanto nas decepções.
Um casal cristão que conheço se inspirou nele e seguiu o seu exemplo. A mulher estava se candidatando para um “emprego dos sonhos”, que acabara de surgir na empresa onde ela trabalhava. A entrevista fora boa, mas ela sabia que talvez não conseguisse aquela promoção. O seu marido sugeriu: “Vamos fazer reservas em nosso restaurante favorito, nesta sexta-feira, para festejar — qualquer que seja o resultado.”
Pouco depois, receberam a notícia de que a vaga fora dada para outra pessoa. Mas, na sexta-feira, o casal desapontado celebrou mesmo assim. Enquanto desfrutavam de uma deliciosa comida, puderam contar as bênçãos e renovar a sua fé no Deus que tem em Suas mãos as oportunidades do amanhã.
Quando o salmista contou as suas bênçãos, foi reerguido do seu desespero e louvou a Deus, dizendo: “Converteste o meu pranto em folguedos…” (Salmo 30:11).
Você está enfrentando alguma situação na qual poderia ser desapontado? Por que não programar uma celebração para contar as suas bênçãos, qualquer que seja o resultado?

A dor do desapontamento é amenizada por um coração agradecido.

Fonte:

Igrejas também foram alvo na Índia




A situação para os nossos irmãos indianos nesse período de Páscoa é ainda mais preocupante. Interceda também por eles

No mesmo dia em que duas igrejas foram bombardeadas no Egito, cinco igrejas na Índia, em cinco Estados diferentes também foram alvo, mas de extremistas hindus. Agora as comunidades cristãs estão reivindicando mais segurança para as comemorações de Páscoa, além de pedirem justiça pelo que foi feito. “Modi, como de costume, quer manter uma boa imagem internacional”, disse Roger Gaikwad, um dos líderes cristãos que atua no país.

A Associação Evangélica da Índia divulgou na última terça-feira, uma declaração na qual critica “o foco nos cristãos em dias especiais de adoração, como o Domingo de Ramos e a Páscoa”, como algo condenável. A associação ainda pede ao governo medidas responsáveis que venham reduzir esses ataques. “Incidentes como esses, especialmente durante a Semana da Paixão, são tendenciosos e devem aumentar para as minorias religiosas”, dizia ainda a declaração. Quatro dos cinco Estados em que os incidentes ocorreram são governados pelo Partido Hindu-nacionalista BJP (Bharatiya Janata Party – Partido do Povo Indiano).

Enquanto isso, as chamadas “leis anti-conversão” que, por sua vez, protegem as pessoas contra conversões forçadas, estão proibindo os cristãos de qualquer tipo de evangelismo. O Conselho Nacional de Igrejas na Índia disse que o surto súbito na violência anticristã é um “sinal” de que os grupos nacionalistas hindus querem enfatizar que as minorias, como cristãos e muçulmanos, representam uma ameaça para a nação que privilegia o hinduísmo.



Sobre os incidentes (informações da Comunidade Evangélica da Índia)

Madhya Pradesh (aldeia de Sitabedi, Khandwa)
Extremistas hindus, acompanhados por policiais, interromperam o serviço religioso. A polícia prendeu os pastores e suas esposas, entre outros cristãos, e os levou à delegacia local. Três pastores foram detidos sob a Lei de Liberdade de Religião (lei anti-conversão), e os demais foram libertados naquela noite.

Haryana (cidade de Kaithal)
Os extremistas hindus interromperam o culto de uma igreja liderada por um pastor chamado Yashpal. O grupo “ameaçou e maltratou” os cristãos e depois apresentou uma queixa oficial na delegacia da polícia local, alegando que os cristãos estavam forçando as pessoas a se converterem. A polícia levou os cristãos sob custódia. O inspetor local alegou ter sido “custódia protetora” e que eles foram liberados após as alegações serem consideradas sem fundamento.

Uttar Pradesh (aldeia de Jahanpur, Ghazipur)
Uma multidão espancou Krishna Paul, um líder cristão, e entregou-o à polícia. Ele foi libertado depois que outros líderes locais conversaram com a polícia.

Rajastão (Sri Ganganagar)
Os extremistas hindus interromperam um culto, e o líder cristão Saji Mathew, foi preso e colocado sob custódia policial, junto com outros sete cristãos. Aldeões locais, com a ajuda de um sacerdote hindu, reclamaram para o chefe da aldeia que os cristãos estavam “envolvidos em conversões forçadas”. O chefe da aldeia então assinou uma queixa e entregou à polícia local, que prendeu os cristãos. Depois que outros líderes locais conversaram com a polícia, os critãos foram liberados.

Tamil Nadu (Keeranur, Dindigul)
Funcionários do governo interromperam uma reunião de oração particular na casa de um cristão chamado Gunasekaran. Os funcionários filmaram e tiraram fotos das pessoas orando e depois disseram que deveriam parar. A família de Gunasekaran (cerca de 20 pessoas) costuma se reunir na casa dele todos os domingos, nos últimos 24 anos, para orar. O cristão foi forçado a assinar um pedaço de papel e convocado a comparecer no escritório do governo local, no dia seguinte. A Sociedade Evangélica da Índia observou que as orações são feitas apenas por membros da família, e não por pessoas de fora, e que nenhum sistema de alto-falante é usado durante as reuniões. Ore pela igreja na Índia.

Leia também
Cristãos enfrentam a “hinduinização” na Índia
Igreja é fechada por fundamentalistas hindus


Fonte:
Portas Abertas - Servindo cristaos perseguidos
www.portasabertas.org.br

terça-feira, 11 de abril de 2017

Como posso saber se uma palavra profética é verdadeira?

 pregador, ensinando, bíblia, levantado, braço
 Há nove princípios para se julgar uma profecia nas Escrituras. Obviamente, nem toda profecia vem de DEUS, ou Paulo não teria escrito 1Coríntios 14.29, dizendo; "Falem dois ou três profetas e os outros julguem." 1João 4.1 afirma: "Amados, não creiais em todo Espírito, mais provai se os espíritos são de DEUS, porque já muitos falsos profetas tem se levantado no mundo."
  Somos instados a "provar os espíritos", porque cada profecia vem  ou de DEUS, ou da carne, ou do diabo através de espíritos malignos.
  Quando a verdade é negada, o engano é liberado. falsos profetes e falsas profecias alastram-se no mundo de hoje. A falsa profecia leva ao engano e faz com que o crente seja o objeto de manipulação ou dominação por falsos profetas, os quais têm objetivos malignos e planos escusos.
  Principio 1: O propósito da profecia no Novo Testamento é edificar, exortar e consolar (1 Co 14.3). A palavra edificar significa melhorar ou fortalecer; a palavra exortar significa encorajar; e a palavra consolar tem seu significado claro: dar consolo. Quando qualquer um entrega a você uma mensagem sobre sua vida com ares de profecia, e esta mensagem deixa você cheio de sentimentos de condenação ou medo, a mensagem não vem de DEUS.
  Principio 2: Profecias sempre concordam com a palavra de DEUS! Todas as profecias verdadeiras vêm do Espírito Santo, que é o autor da Palavra de DEUS. Assim, toda profecia tem de estar de acordo, de fato e em Espírito, com a Palavra de DEUS. Qualquer mensagem que não concorde com a Palavra de DEUS é uma falsa Profecia.
  Principio 3: Profecias devem produzir frutos e concordar com o Espírito Santo em conduta e caráter. Paulo escreveu em Romanos 14.17: "Porque o Reino de DEUS não é comida nem bebida, mais justiça, e Paz, e alegria no Espírito Santo."
  Qualquer forma de alegria ou paz que se coloque fora da justiça é um espírito demoníaco de religiosidade. Um homem que profetiza e não paga suas contas é um falso profeta. Um homem que profetiza e vive em imoralidade sexual ou irresponsabilidade financeira está em profundo engano e é um falso profeta. 
  A profecia deve concordar com o fruto do Espírito, que em Gálatas é definido como "caridade, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança". Se a profecia não tem caridade, gozo ou paz, ela não vem de DEUS.
 Falsos profetas não descem a rua principal gritando palavras obscenas. Mateus 7.15-16 afirma que os falsos profetas vêm como lobos em peles de ovelhas. Parecem boas pessoas. Falam de forma agradável. Até agem como ovelhas; mais seus propósitos são devorar e enganar o corpo de CRISTO
  A primeira coisa que um falso profeta ou qualquer pessoa que está em engano vai lhe dizer é: "Não me julgue!" Você não está julgando; está simplesmente verificando seus frutos.
  Principio 4: Se uma profecia contém predições que não se realizam, a profecia é falsa. Deuteronômio 18.22 diz: "Quando o tal profeta falar em nome do SENHOR, e tal palavra se não cumprir, nem suceder assim, esta é palavra que o SENHOR não falou; com soberba a falou o tal profeta; não tenhas temor dele."
  Principio 5:  Se uma profecia se cumprir e promover a desobediência contra DEUS ou contra as Escrituras, não é uma profecia verdadeira. A Bíblia diz: "Quando Profeta ou sonhador de sonhos se levantar no meio de ti e te der um sinal ou prodígio, e suceder o tal sinal ou prodígio, de que te houver falado, dizendo: Vamos após outros deuses, que não conheceste, e sirvamo-los, não ouvirás as palavras daquele profeta ou sonhador de sonhos, porquanto o SENHOR, vosso DEUS, vos prova, para saber se amais o SENHOR, vosso DEUS, com todo o vosso coração e com toda a vossa alma." (Dt 13.1-3).
  Conforme Moisés afirma de forma clara, a profecia ter se cumprido não significa que a pessoa que deu a profecia é de DEUS. Se esta profecia faz com que você olhe para outra fonte de orientação espiritual, como horóscopos, consultas a médiuns e quiromantes, você está vivendo adultério Espiritual.
  Principio 6: A verdadeira profecia produz liberdade e não escravidão. A Bíblia diz: "Porque não recebeste    o espírito de escravidão, para, outra vez, estardes em temor mas recebestes o espírito de adoção de filhos, pelo qual clamamos: Aba Pai." (Rm 8.15).
  "Ora o SENHOR é Espírito; e onde está o espírito do SENHOR, aí há liberdade." (2 Co 3.17). A verdadeira profecia trará liberdade ao individuo, e não escravidão.
  Qualquer forma de controle sobre outra pessoa, seja através de intimidação, manipulação ou domínio, é bruxaria. A falsa profecia levará sempre a bruxaria. Não se apegue a ninguém que não seja JESUS.
  Principio 7: A verdadeira profecia injeta vida nova na reunião de crentes. A Bíblia diz que: "a letra mata, e o Espírito vivifica." (2Co 3.6). A verdadeira profecia inspirada pelo Espírito Santo traz vida Espiritual a reunião dos crentes. Se uma profecia vem para destruir o culto de adoração, esta profecia não vem de DEUS.
  Principio 8: A verdadeira profecia dada pelo Espírito Santo testemunhará com seu Espírito. A Bíblia diz: "E o Espírito é o que testifica, porque o Espírito é a verdade." (1Jo 5.6b).
  Este é o único princípio subjetivo dos nove princípios  usados para julgar profecias. Todos os outros são baseados em fatos da Palavra, este princípio específico é baseado na forma como a profecia dá testemunho ao espírito de cada um.
  Principio 9: Qualquer profecia que se cumpra mas não dá glória e honra ao SENHOR JESUS CRISTO é espírito de adivinhão. O fato de a profecia se cumprir não é prova de que vem de DEUS (veja Deuteronômio 13.1-3, o qual também é usado para apoiar o princípio 5).

 "mas o que profetiza fala aos homens para edificação, exortação e consolação". (1Co 14.3).

           DEUS abençoe a todos!!!!!

  Fonte: Bíblia de Revelação Profética - Almeida Revista e Corrigida - Sociedade Bíblica do Brasil.

segunda-feira, 10 de abril de 2017

Ataque na Síria preocupa o mundo inteiro





A Síria é o 6º país na atual Lista Mundial da Perseguição, palco de um verdadeiro caos da guerra civil. Na madrugada dessa sexta-feira, o ataque dos EUA contra a base militar síria atraiu olhares do mundo inteiro para essa nação.

Sobre os últimos acontecimentos, muitos questionaram o motivo pelo qual o governo sírio realizaria um ataque assim. A região é controlada por uma aliança rebelde e pelo grupo jihadista Hayat Tahrir Al-Sham, ligado à al-Qaeda. Informações locais alertam que essa área é frequentemente alvejada pelos dois governos.

Aqueles que se opõem ao governo, afirmam que a Síria foi responsável pelo ataque químico. Por outro lado, jornalistas pró-governo defendem a possibilidade de uma explosão em uma fábrica de armas químicas em Khan Sheikhoun, que teria sido causada por um ataque aéreo ou por acidente. Enquanto não há uma definição, oremos pelos feridos e por aqueles que vivem nas imediações e não têm nada a ver com os conflitos políticos, em especial os cristãos.


Leia também
Ataque químico na Síria atinge região cristã?


FonteG1, BBC Brasil

Via:www.portasabertas.org.br

domingo, 9 de abril de 2017

A MORTE DE UMA IGREJA!



Sardes, uma igreja morta que pensa estar viva
                                                       Esboço de sermão em Apocalipse 3,1-6

Por Adriano R.S.Montes.
As sete igrejas da Ásia, conhecidas como as igrejas do Apocalipse estão mortas, acabaram, só existem agora Ruínas e lembranças de um passado bem distante.

Hoje na Região da Ásia menor, onde existiam as igrejas do Apocalipse, tem menos de 1% de cristãos.

Sardes, foi a capital da Líbia no século 17 A.C.,  atualmente Turquia.

Situada no alto de uma colina, toda murada e fortificada, sentia-se imbatível, seus soldados e seus  habitantes eram orgulhosos, arrogantes e autoconfiantes.

No ano 17 D.C. Sardes foi parcialmente destruída após um terremoto e reconstruída pelo Imperador Tibério. A Cidade ficou famosa pelo  alto gral de imoralidade e a decadência que a dominou.

Quando João escreveu a carta a Sardes, esta era uma cidade rica mas totalmente degenerada.

Seus habitantes entregaram suas vidas à luxúria e ao prazer, e a igreja tornou-se como a cidade, em vez de influenciar, foi influenciada.

É neste contexto que vemos JESUS enviando esta carta a igreja de Sardes.

Sardes era uma poderosa igreja aos olhos humanos, dona de um grande nome.

Uma igreja que tinha nome e fama, mais não tinha vida. Na verdade apesar de toda fama e de acreditar que estava viva Sardes estava morta.

J. Parcker diz que a igrejas cujo os cultos são solenes, mais são como os caixões floridos, lá dentro tem um defunto.

Ainda no versículo um, JESUS diz, eu sei as tuas obras JESUS conhece a igreja, ele sabe tudo.

Versículo 2 >>>  ser vigilante:

Aqui CRISTO manda vigiar, uma das principais conseqüências da queda de muitas igrejas, e morte espiritual de muitos cristãos é a falta de vigilância.

Por não vigiar pecamos e conseqüentemente morremos.

“Consolida o que está para morrer”, uma tentativa de resgate, para salvar alguns ou mesmo reavivar a igreja.

Versículo 3 >>>  como um ladrão na noite:

CRISTO aqui chama a igreja ao arrependimento, nem tudo estava perdido.

Se a igreja se arrepender CRISTO perdoa, ele quer nos perdoar sempre.

Ele avisa, virei como um ladrão, por tanto estejam preparados.



Versículo 4 >>> mesmo em Sardes, há os que não se contaminaram:

CRISTO aqui afirma categoricamente, que mesmo em meio ao pecado, em uma igreja doente, perdida e morta, existem os santos que não se contaminaram.

“Estão com as vestes limpas”, ou seja, não se sujaram, não vivem no pecado, não morreram, embora estejam dentro de Sardes, uma igreja morta, conseguem estar vivos.

Temos vivido tempos de Sardes, o mundo de hoje tem sido todo ele como a cidade de Sardes, a igreja nos dias de hoje tem sido como a de Sardes, tem se deixado influenciar pelo mundo e seus pecados, não digo igreja local, falo de um modo geral, as igrejas, não todas é claro, mais infelizmente a grande maioria, tem se deixado influenciar, e temos visto, ministérios grandiosos, enormes e de grande fama, ruindo e morrendo, embora acreditem que estão vivos, assim como Sardes.

Mais graças a DEUS que mesmo em meio a Sardes, existe um povo separado, convertido, que não se contaminou, para estes, existe uma promessa maravilhosa, que veremos a partir do verso cinco.

Versículo 5 >>> Os vencedores:

O que vencer ou seja os vencedores, ele não tira o seu nome do livro da vida.

Será salvo, portanto o que não se contaminar e se perder em meio aos pecados de Sardes, seu nome será confessado por CRISTO diante do PAI.

Esta é uma maravilhosa promessa, aos que permanecerem firmes mesmo em meio a um mundo de pecados, e creio seja o sonho de todos os que seguem a CRISTO, a terra prometida.

Versículo 6 >>> ouçam, ou “prestem atenção”:

Aqui CRISTO nos convida a ouvir, ou seja, prestar atenção ao que o ESPÍRITO diz as igrejas.

Queridos, mortos não podem escutar, defuntos não houvem, se a igreja de Sardes estava morta, como poderia ouvir?

A igreja estava morta e morte espiritual, quem morre espiritualmente, não pode ouvir o que o espírito diz.

Portanto acredito que o ESPIRITO estava falando aos que ainda estavam vivos, que não haviam se contaminado, para que estes fossem salvos, e até mesmo servissem de instrumento para reanimar o doente, ou seja, reavivar a igreja.

Por isso querido(a) se você está morrendo, anima-te, peça a DEUS para te reanimar, te reavivar, para que possa ouvi-lo novamente, e ser usado por ele como instrumento de avivamento da igreja de CRISTO.


Conclusão:

O processo de morte de uma igreja pode acontecer lentamente, de forma que as pessoas não percebam, pois olhamos o exterior.

JESUS, porém vê o interior, ele olha a igreja de dentro para fora, diferente de nós, ele vê o coração do discípulo, ele conhece o interior de cada um de nós.

Ele não julga pela aparência, pois nos conhece por inteiro.

No meio de uma igreja morta, JESUS encontrou fiéis, isso nos lembra de que a salvação é individual.

Não somos salvos na coletividade, DEUS não salva em grupos, seremos julgados individualmente e cada um dará contas de si.

Por tanto, mesmo que vivamos em meio a Sardes, lutemos para não nos contaminarmos e assim herdaremos a terra prometida.

                                                  
Fontes Bibliográficas:

Usei como referencias e pesquisas:

Dicionário Wikcionário
 Blog do pastor Hernandes Dias Lopes 
 livro o Apocalipse , desvendando os mistérios da revelação, Delcyr de Souza Lima, Juerp


DEUS ABENÇOE A TODOS!!!

A mensagem do dilúvio



BALELA OU VERDADE?

  Para muitas pessoas, o relato de Noé e da arca não passa de uma singular história infantil sobre um homem esquisito que construiu um barco enorme. Depois de construída a arca, representantes de toda espécie do reino animal foram atraídas a Noé que conduziu todos os animais, aos pares, para dentro daquele barco que nunca havia passado por um teste. A chuva começou, e aquele zoológico flutuante sobreviveu a um grande dilúvio. Depois de todos estes acontecimentos, o feliz grupo de protagonistas se regozija com um estupendo arco-íris, antes que cada siga o seu caminho. Em resumo, esta história é vista, frequentemente, com um apreciado quadro decorativo - figuras graciosas de Noé e da arca, tapetes com desenhos ou jarras em forma de arca decoram as casas de muitas pessoas.

DEUS SE IRRITA E JULGA

  A história de Noé é, antes de qualquer coisa, a história da terrível depravação do gênero humano. De acordo com as escrituras, a maldade do homem havia crescido demais sobre a face da terrar, tanto que DEUS estava "arrependido' (Gn 6.6). Eis aqui uns dos aspectos terríveis da história do dilúvio, um raro vislumbre de emoção divina e vulnerabilidade. Nosso criador estava desapontado e magoado por causa do pecado.
  O dilúvio também é uma história sobre o juízo divino. Não podemos minimizar a cruel realidade do severo veridicto de DEUS sobre os ímpios do tempo de Noé. DEUS proferiu sua sentença de modo claro: "Destruirei, de sobre a face da terra, o homem que criei" (Gn 6.7). Uma sentença dura demais? Na verdade, não. Um DEUS santo não podia fechar oss olhos ao pecado, nem tolera-lo. Era necessário tratamento, punição, para que DEUS continuasse a ser DEUS de justiça. É comum nos esquecermos da terrível perda de vidas quando lemos a história de Noé. Nossa tendência é a de nos concentrarmos muito na arca e nos animais, a ponto de esquecermos as águas devastadoras abaixo da embarcação. Abaixo da arca estavam morrendo pecadores - pessoas reais que se encaminharam para uma eternidade distante de DEUS.

A DEPRAVAÇÃO SE ENCONTRA COM A GRAÇA

  Além disso, o dilúvio também é um memorial do amor e da misericórdia de DEUS. "Noé, porém, achou graça aos olhos do SENHOR". (Gn 6.8). DEUS demonstrou sua imensa graça ao escolher Noé e a sua família e salvá-los do julgamento. Muito embora a humanidade inteira merecesse toda a força da ira, DEUS, em sua misericórdia, providenciou salvação.
  Toda a história de Noé é uma maravilhosa visão precursora da salvação definitiva que DEUS providenciaria mais tarde em CRISTO. Após o dilúvio, a raça humana continuou sua rebelião pecaminosa. E DEUS continuou a requerer a justa pena para o pecado: a morte. Mas, na ocasião seguinte, ao invés de providenciar uma arca, DEUS entregou o seu único Filho. Por este ato, ele abriu as portas da salvação, não apenas para uma família, mas a todos aqueles que crerem em JESUS.
  
                    DEUS abençoe a todos!!!

Fonte: Bíblia de Revelação Profética - Almeida Revista e Corrigida - Sociedade Bíblica do Brasil
  

sexta-feira, 7 de abril de 2017

EUA lançam dezenas de mísseis contra a Síria em resposta a ataque químico


Mísseis Tomahawk foram disparados de navios americanos e teriam atingido aviões e pistas em base aérea perto de Homs. Disparos aconteceram após EUA prometerem resposta a ataque com armas químicas.

Governo dos EUA bombardeia alvo na Síria em resposta a ataque com armas químicas

Os Estados Unidos lançaram 59 mísseis Tomahawk contra uma base aérea na Síria na noite desta quinta-feira (6), de onde, segundo o presidente Donald Trump, partiu um ataque químico que matou mais de 80 pessoas esta semana.

Os ataques aconteceram por volta das 21h40 (hora de Brasília), 4h40 na hora local da Síria. Um porta-voz do Pentágono disse que os mísseis foram lançados dos destróieres USS Porter e USS Ross contra “aeronaves, abrigos de aviões, áreas de armazenamento de combustível, logística e munição, sistema de defesa aérea e radares”.

O presidente Donald Trump, que participou nesta quinta de um jantar com o presidente chinês Xi Jinping na Flórida, confirmou a ordem. Ele diz que Assad usou um agente nervoso mortal para matar muitas pessoas. "Esta noite eu dei ordem para um ataque militar na base militar na Síria de onde o ataque químico foi lançado".

O Conselheiro nacional de segurança H. R. McMaster disse que Trump recebeu três opções de como reagir contra o ataque sírio e disse aos conselheiros para focar em duas delas. Nesta quinta ele decidiu qual seria a ação.


Trump anuncia sua decisão de atacar a base aérea síria (Foto: Alex Brandon/AP)

Trump fez ainda um apelo a outros países após o ataque. "Esta noite chamo todas as nações civilizadas para buscar um fim à matança e ao banho de sangue na Síria". Segundo o presidente, "é de vital interesse da segurança nacional dos Estados Unidos prevenir e deter o uso de armas químicas mortais".

VEJA A ÍNTEGRA DA FALA DE TRUMP


O presidente disse também que não há dúvidas de que o governo sírio usou armas químicas, "violando as suas obrigações em relação à convenção de armas químicas e ignorando o Conselho de Segurança da ONU" e que anos de tentativas prévias de modificar o comportamento de Assad falharam.


Menos de 3 horas após o lançamento dos Tomahawk, o Pentágono divulgou vídeo dos projéteis subindo ao céu:






A emissora de TV estatal síria confirmou que uma base militar síria foi alvo de uma "agressão americana" nesta sexta (horário local) e que o ataque "levou a perdas", sem especificar quais seriam.


O governador de Homs, Talal Barazi, diz que o ataque dos EUA serve aos objetivos de “grupos terroristas armados e do Estado Islâmico”. Ele afirmou à Reuters que a base atingida é usada pelas forças sírias no combate ao Estado Islâmico. Barazi disse ainda acreditar que "não há muitas vítimas fatais" no ataque, mas que um grande dano material foi causado.
O Pentágono informou que as forças russas que atuam na Síria foram comunicadas sobre o ataque com antecedência e que setores da base onde havia russos foram evitados e não foram atingidos.



(Foto: Editoria de Arte/G1)

Fonte: G1

quinta-feira, 6 de abril de 2017

David Miranda Filho sai da IPDA e anuncia a fundação de novo ministério



Resultado de imagem para David Miranda Filho

O pastor David Miranda Filho, anunciou hoje (04) através do seu Facebook oficial a fundação de um novo ministério, a “Igreja Pentecostal Santificação no Senhor”, ministério David Miranda Filho. A postagem do pastor não dá maiores detalhes sobre seu novo ministério, limitando-se a dizer que sua nova denominação está pautada no evangelho de São João 17:17: “Santifica-os na tua verdade; a tua palavra é a verdade”.


Postagem do pastor sugere que saiu da IPDA e pretende fundar nova denominação. Será que agora vai? (Reprodução: Facebook)

David Filho foi afastado da sua denominação, a Igreja Pentecostal Deus é Amor (IPDA), depois que um vídeo, publicado nas redes sociais mostrou o pastor tendo uma conversa de teor sexual com uma jovem através de um aplicativo de mensagens. Posteriormente David foi alvo de um novo vazamento, muito pior que o anterior, em que em um áudio o pastor aparece falando coisas impublicáveis com outra mulher desconhecida.

A decisão do pastor tem dividido as redes sociais, a maioria dos internautas não entenderam direito se o pastor realmente saiu da Igreja Pentecostal Deus é Amor. Outros no entanto já entenderam que o pastor se desfiliou da IPDA e tem apoiado a decisão de Miranda. ” Deus não deixou nome de igreja.. Se eles não aceita (sic) o David na Deus é Amor , ele quer trabalhar , tá na oração, tem mais que abrir um ministério, importa que a palavra seja pregada, quem perde um grande homem de Deus , é a IPDA, assim como ja perderam tantos outros por falta de união, amor para com os outros… Não sabem perdoar”, comentou um internauta.

“Paz do Senhor!Isso aí pastor David Miranda Filho,vai em busca nas almas, o homem barrou você de fazer a obra mais Deus é contigo”, declarou outro internauta.

Entretanto, alguns membros da IPDA não viram com bons olhos a decisão de David Filho, argumentando que o pastor está em rebelião por não ter cumprido integralmente a sua prova e partir para fundar uma nova denominação.

“[…] Ele está pagando apenas por um erro que ele mesmo confessou que cometeu, e estamos sujeitos a errar também, mais abrir outro ministério antes da disciplina terminar, é rebelião, romper barreiras é ficar firme e vencer,voltar atrás, Não venceu barreiras não!”, sentenciou um usuário.

“Um absurdo isso! Toda vida a igreja não lhe apoiou? E agora causar divisão dentro de igreja, isso é mais triste de que quando reconheceu seu pecado; uma igreja nascer da divisão de alguém é triste”, declarou outro internauta.

Em novembro do ano passado, o pastor David Miranda Filho chegou a se explicar por uma postagem que sugeria que ele iria sair da IPDA quando pediu dinheiro aos internautas para organizar concentrações independentes. Posteriormente, Miranda desistiu da empreitada e voltou atrás na sua decisão. Agora tudo indica que a situação entre a diretoria da IPDA e David Filho tem ficado mesmo insustentável. Na visão de David Filho seus erros não são suficientes para mantê-lo afastado tanto tempo assim dos púlpitos, mas a diretoria não pensa assim. Trazê-lo de volta a comunhão em um prazo relativamente curto, pode elevar de forma descomunal as criticas à IPDA, que tem sido bastante criticada na forma como tem lidado com os casos amorosos do pastor.

A Rede Pentecostal segue acompanhando o desenrolar do que pode ser mais uma grande cisão dentro de um dos maiores ministério pentecostais do mundo.


Fonte:
http://redepentecostal.com

sábado, 1 de abril de 2017

Feliz dia da verdade!!



"E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará." (João 8.32)
por Adriano Montes
A maior mentira que já inventaram é esta, que existe um tal dia da mentira, como cristãos cremos que CRISTO é a verdade, portanto para nós todos os dias pertencem a ele, sendo assim não existe esse tal dia, satanás invejoso como sempre, tem colocado no coração de muitos que existe esse dia, afinal todos os dias pertencem ao SENHOR e ele quer pelo menos um dia para ele, visto que ele é o pai da mentira, e leva muitos ao engano, fazendo com que acreditem que é apenas uma brincadeira de um dia, e assim leva muitos a pecarem inclusive alguns que se dizem CRISTÃOS, mas esse não é outro se não o dia que o SENHOR nos concedeu, assim como a todos os outros dias, todos os dias pertencem ao SENHOR, e ele é a verdade.

"Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim." (João 14.6)

Como o próprio CRISTO afirma ele é a verdade, portando o cristão como seguidor e imitador de CRISTO, como deve ser, precisa viver e andar na verdade!



"Vós tendes por pai ao diabo, e quereis satisfazer os desejos de vosso pai. Ele foi homicida desde o princípio, e não se firmou na verdade, porque não há verdade nele. Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso, e pai da mentira." (João 8.44)

Como podemos observar em João 8, 44, todos os que mentem e vivem na mentira, tem por pai o diabo que aliás é o pai da mentira e de todos os que com ele anda, a bíblia é clara, devemos ter o cuidado de não cairmos no erro e mentir, mesmo que pareça uma brincadeira inocente de um dia em que muitos acreditam ser um dia separado para este fim, pois as consequências serão penosas e pesadas para aqueles que a praticam, pois serão punidos como vemos em Provérbios 19.

"A falsa testemunha não ficará impune e o que respira mentiras não escapará." (Provérbios 19.5)

Portanto como CRISTÃOS andemos na verdade que é CRISTO, e como servos de um DEUS santo e justo devemos nos santificar e viver em verdade, na verdade e para a verdade, devemos andar de acordo com a palavra de DEUS que é a verdade.

"Santifica-os na tua verdade; a tua palavra é a verdade." (João 17.17)

DEUS abençoe a todos!!

Adriano Montes.

LANÇAMENTO DO MEU LIVRO, EM BREVE

Postagens Recentes